ENISA estuda privacidade online

Dois novos estudos da ENISA refletem algumas principais questões relacionadas com a privacidade online na União Europeia. Os documentos analisam o que estão os europeus dispostos a fazer pela privacidade e as boas práticas.

A ENISA disponibilizou dois novos estudos sobre privacidade online. Os documentos analisam o impacto económico das medidas e detalham casos de estudo de boas práticas na recolha e arquivamento de informação pessoal no espaço da União europeia, como explica uma nota no site da agência.

No estudo relacionado com as questões económicas da proteção de dados (Study on Monetising privacy - um modelo económico para taxar a informação pessoal), a pesquisa procura perceber se os cidadãos valorizam a privacidade dos seus dados a ponto de estar dispostos a pagar por serviços que assegurem essa proteção. Na resposta conclui-se que sim, a maioria dos utilizadores estariam dispostos a pagar um serviço premium para garantir a privacidade dos dados.

Alinhadas no estudo estão também um conjunto de recomendações, que resultam dos dados apurados no estudo e que pretendem ajudar os decisores políticos e legais na definição de políticas de proteção de dados mais adequadas.

As conclusões dos estudos serão discutidas no Cyber Security & Privacy EU Forum, agendado para o próximo dia 24 de abril em Berlim, um evento que está em destaque no Calendário do TeK.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Votação TeK

Já tem uma PlayStation 4 Pro ou está à espera da Xbox Project Scorpio?

  • Já tenho a PS4 Pro mas estou curioso para conhecer a nova Xbox

    10%

  • Estou à espera da Project Scorpio para voltar a investir numa consola

    14%

  • Não tenho a PS4 Pro mas também não tenho interesse na próxima Xbox

    36%

  • Prefiro jogar no computador

    38%