Embora tenhamos crescido a ouvir a teoria popular de que um túnel, escavado bem fundo desde o ponto onde estamos até ao outro lado do mundo, nos levaria até à China, a verdade é que não é bem assim. Como mostra o site de hoje, o Antipodes Map, as únicas regiões que poderiam ter essa sorte, caso o projeto fosse viável, são a Argentina e o Chile.

tek antípodas

Se abríssemos um buraco a direito, até ao extremo oposto do mundo, o mais provável era sairmos no oceano. Como mostra o Antipodes Map, se decidíssemos partir de Lisboa, o nosso destino seria o Pacífico, a alguns quilómetros da costa oeste da Nova Zelândia. Do Porto, o destino seria o mesmo.

O site, ao qual pode aceder através deste link, serve exatamente para lhe satisfazer este tipo de curiosidades. Através de dois mapas, o utilizador pode assinalar um local no primeiro e ver onde ia parar - caso abrisse um túnel a direito, passando pelo centro da terra - no segundo.

Aos pontos colocados em extremos diametralmente opostos do globo, a ciência chama antípodas. A maioria das regiões terrestres não tem um antípoda igualmente terrestre, sendo que é quase sempre o oceano a opor-se-lhe.