O Android One nasceu em 2014 numa tentativa de aumentar a utilização de smartphones em mercados emergentes. O objetivo passava por pôr as fabricantes criarem smartphones de baixo custo com especificações medianas e a Google a lançar o mais recente sistema operativo para o dispositivo durante dois anos.

Portugal só recebeu um destes smartphones. O Aquaris 4.5 da BQ chegou em setembro de 2015 às lojas portuguesas a um preço de 179 euros. Desde então, pouco ou nada se tem ouvido falar do programa, mas este ano, no Mobile World Congress, a turca General Mobile introduziu um novo smartphone Android One.

Chama-se GM 6 e, pelo menos no papel, vai ao encontro do que os consumidores procuram: um dispositivo com boas características e com o bónus de ter as atualizações para o mais recente sistema operativo da Google asseguradas durante dois anos.
false
Como pontos de destaque, este smartphone tem um leitor de impressões digitais por baixo do ecrã IPS HD de 5 polegadas e uma bateria de 3.000mAh. A General Mobile destaca, ainda, a “câmara de selfie” de 8MP e que contém um flash para “capturar as melhores selfies mesmo em ambientes escuros”. A câmara traseira é de 13MP.

A memória RAM é de 3GB, o que vai ao encontro do que se pode encontrar nos smartphones de média gama espalhados por esse mundo fora, aliando-se a um armazenamento interno de 32GB. O processador é um MediaTek MT6737T com quatro núcleos a 1.5GHz. Um dos grandes pontos positivos é a possibilidade de utilizar a assistente virtual da Google, algo a que alguns smartphones de média gama ainda não têm acesso. Como seria de esperar, o sistema operativo presente no GM 6 é o Android 7.0 Nougat.

Mas, nos últimos tempos, este foi um dos poucos, se não mesmo o único, smartphones fiel ao conceito do Android One a ser apresentado (pode ver exemplos mais antigos na galeria abaixo). A presença da Google na conferência de apresentação do dispositivo mostra que a tecnológica de Mountain View ainda tem fé no programa, mas será que as fabricantes querem continuar a apostar?

Acompanhe todas as novidades do Mobile World Congress com o Tek, que está no terreno em Barcelona a fazer a cobertura do maior evento de dispositivos móveis do mundo.