Esta semana foi mais dedicada à brincadeira e por isso temos vários jogos entre as propostas, para além dos 5 títulos que lhe permitem vestir o fato de Super-Herói e salvar o mundo.

Mas temos mais sugestões da equipa, e também passam pela segurança e pela personalização do smartphone ou do tablet.

Siga as propostas para Android e iOS e aproveite para instalar algumas.

Há um novo Pokémon para treinar e uma app dedicada a isso

Como pode uma simples carpa concorrer com Pokémons tão fortes como o Mewtwo, Articuno ou o Zapdos? Treinando muito, claro, e a app Pokémon: Magikarp Jump foi feita para isso.

A app foi lançada na semana passada e está disponível para iOS e Android, sendo suficientemente fácil de utilizar para atrair os mais novos ao mundo dos Pokémons e do treino destas pequenas criaturas que pertencem ao mundo imaginário criado por Satoshi Tajiri em 1995.

A pequena Magikarp é um dos Pokémons mais fracos e o desafio é conseguir treiná-la para se tornar mais forte, e saltar mais alto, acedendo à competições de Pokémons e ao nível da League Champion. Os treinadores têm de ser incansáveis e astutos, mas as conquistas podem ser partilhadas com os amigos online.


A app está disponível gratuitamente para smartphones e tablets iOS e Android e tem compras in app para acelerar o treino ou reabastecer o stock de alimentos, ou para apanhar mais Magikarps.

Aplicação de realidade aumentada mostra Museu das Comunicações como nunca o viu

A nova app pretende dar “vida” a várias peças em 3D do Museu em Lisboa e já está a funcionar para a exposição permanente “Vencer a Distância - Cinco Séculos de Comunicações em Portugal”.

Com a aplicação agora disponibilizada é possível saber mais sobre cada um dos objetos desta exposição, que faz uma viagem pela evolução de todas as técnicas de comunicação em Portugal, dos Correios às Telecomunicações.

É só apontar o smartphone ou tablet para a peça e esta será mostrada em 3D, com recriações interativas da época, em que as mesmas foram desenvolvidas.

Paralelamente é possível interagir com personagens históricas, na forma de hologramas, que surgem no espaço para explicar o contexto de cada momento da exposição.

Além de acrescentar informação às peças museológicas - atuais e futuras -, através da app é possível consultar um conjunto de dados úteis sobre o espaço, eventos e as várias exposições existentes em cada momento.

A aplicação de Realidade Aumentada do Museu das Comunicações já está disponível, contando com versões para dispositivos iOS e para dispositivos Android.

A nova versão do velho 2048 traz elementos estratégicos para o terreno de jogo

É o mesmo jogo, mas com uma imagem completamente renovada. Em vez dos números e das cores mortas, divirta-se a somar telhas com edifícios históricos e ajude a sua civilização a evoluir nas várias eras que marcaram a humanidade.

Se tem um smartphone há já vários anos, certamente que se lembra de uma das maiores febres que o universo das aplicações móveis já conheceu. Chamava-se 2048 e era um jogo de lógica matemática que obrigava os utilizadores a somarem números iguais até alcançarem a meta que se fixava no mesmo valor que dá nome à app.

A popularidade do jogo desvaneceu-se, como ordena a natureza das coisas, mas uma nova versão reinventada pode ressuscitar o título. Desta vez, o jogo chama-se Age of 2048 e em vez de "simples" lógica matemática, a app mistura ainda elementos visuais reminiscentes das aventuras estratégicas de Age of Empires.

A missão continua a ser a mesma - juntar azulejos iguais - mas o fim, nem por isso.

Enquanto na versão de 2014 o jogo adotava uma estética enfadonha, com cores mortas e números evidenciados, esta substitui toda essa imagem por casas, igrejas, quintas, coliseus, moinhos e ademais estruturas. A ideia é juntar elementos iguais, mas dessa soma não continua a resultar um número, mas sim uma versão moderna dos edifícios.

O objetivo final é chegar ao monumento (ou maravilha, como lhe chama o jogo) para avançar na era histórica em que se encontra a sua civilização.

O jogo é gratuito e está disponível para Android através deste link.

AppLock: feche as suas aplicações a sete chaves

Esta app permite-lhe bloquear apps, fotos e vídeos com uma palavra passe, reservando certos conteúdos ao acesso exclusivo da sua pessoa.

Esta é uma app que serve para trancar todas as outras. Se não quer ter mãos alheias a vaguear pela sua aplicação de gestão financeira, pela sua conta do Facebook ou pela app do banco, a AppLock dá-lhe uma solução para evitar todos esses males.

Disponível exclusivamente para Android, mas com muitas versões semelhantes para iOS, esta app consegue bloquear o acesso a qualquer outra aplicação com um código numérico, um padrão ou, se o seu smartphone suportar, com a sua impressão digital.

Se tiver fotografias "embaraçosas" e vídeos que queira esconder dos olhares mais curiosos,  a AppLock também lhe permite criar um "cofre" especial para estes conteúdos, escondendo-os da galeria do seu telemóvel.

Desta forma, pode reservar o acesso a determinadas partes do seu smartphone apenas a si (e a quem mais souber a password, claro) evitando possíveis embaraços da próxima vez que alguém estiver a vasculhar o seu telefone.

Disponível gratuitamente na Play Store, a app pode ser descarregada através deste link.

Mude o seu smartphone para tons pastel. A Retrorika ajuda

Esta é uma aplicação para quem gosta de personalizar os seus gadgets. E nomeadamente de ter icons com “assinatura” no seu telefone.

Já sabemos que a quantidade de recursos disponíveis na forma de aplicações móveis se aproxima da classificação “infindável” e consoante os objetivos, há sempre sugestões para tudo e mais alguma coisa. A Retrorika pertence ao grupo dos “editores de icons”.

A aplicação propõe-se aplicar filtros de cores em tons pastel e remodelar os símbolos que identificam as diferentes funções, recursos e apps existentes no telefone, sejam eles nativos ou de terceiros.

Além dos mais de 3.600 ícones de toque vintage disponíveis, a Retrorika também dá acesso a mais de uma centena de wallpapers.

A app está disponível para Android e custa 0,69€. Atenção que só funciona em paralelo com um launcher compatível. Pode ver a lista completa de launchers a partir da página da aplicação na Google Play.

Sabe as respostas a todas as perguntas? Experimente com o QuizUp

Quem gosta de pôr os seus conhecimentos à prova tem na app QuizUp um lugar para testar o que sabe. E aprender mais.
A aplicação é um jogo de perguntas e respostas onde pode desafiar os amigos e encontrar novos parceiros com os quais partilha interesses.

Na QuizUp cada utilizador é desafiado a responder a diversas perguntas, consoante a sua área de interesse, de capitais do mundo a bandeiras, política, animais ou filmes. Há categorias para todos os gostos e feitios.

Passo a passo pode ganhar prémios e consolidar conhecimentos, porque mesmo perdendo também se aprende.

A app está disponível em várias línguas, incluindo o português do Brasil e o download é gratuito para Android e iOS.