Apple trabalha num sensor não invasivo capaz de medir os níveis de açúcar no sangue

A longo prazo, a ideia passa por integrar estes sensores num smartphone ou num smartwatch que assim se torne capaz de medir, em permanência, os níveis de açúcar no sangue dos utilizadores com diabetes.

tek apple health

A Apple contratou recentemente uma equipa de engenheiros biomédicos para fazer avançar um novo projeto secreto que foi inicialmente desenhado por Steve Jobs. A missão, neste caso, diz respeito ao desenvolvimento de sensores que consigam monitorizar em permanência os níveis de açucar no sangue dos utilizadores com diabetes. A notícia está a ser avançada esta quinta-feira pela CNBC que cita três fontes anónimas próximas da empresa.

De acordo com o canal norte-americano, a ideia é criar uma técnica que consiga substituir a forma mais tradicional de obter estes valores e que ainda obriga os pacientes a retirar pequenas amostras de sangue para análise. A Apple quer fazê-lo de forma não invasiva e já está a testar a viabilidade do projeto num conjunto de clínicas californianas.

A equipa destacada para este projeto consiste num grupo de 30 profissionais e pode estar a desenvolver trabalho neste âmbito desde há um ano para cá.

Uma das soluções em equação consiste num par de sensores óticos que fazem atravessar um feixe de luz através das primeiras camadas de pele para medir os níveis de glucose. A criação de um produto eficiente, no entanto, vai custar "muitas centenas de milhões ou mesmo milhares de milhões de dólares", disse, à Reuters, o presidente executivo da DexCom, Terrance Greg.

Neste momento, a tecnológica de Cupertino não é a única a explorar o ramo da saúde. A Verily, da Google, está também a trabalhar numa lente de contacto que promete medir o nível de açucar no sangue através do olho do utilizador. Há dois anos celebrou ainda uma parceria com a DexCom para trabalhar no desenvolvimento de um produto não invasivo capaz de monitorizar os níveis de glucose do paciente.

A ideia destes projetos, a longo prazo, passará, não só mas também, pela integração num equipamento móvel ou num smartwatch, por exemplo.

 

Votação TeK

Já tem uma PlayStation 4 Pro ou está à espera da Xbox Project Scorpio?

  • Já tenho a PS4 Pro mas estou curioso para conhecer a nova Xbox

    9%

  • Estou à espera da Project Scorpio para voltar a investir numa consola

    15%

  • Não tenho a PS4 Pro mas também não tenho interesse na próxima Xbox

    36%

  • Prefiro jogar no computador

    38%