A SIBS publicou o seu novo relatório de mercado e revela que o meio electrónico é o preferido pelos portugueses para fazerem compras e pagamentos. A lógica é aplicada nos pagamentos entre pessoas e para pagar faturas, ou para comprar em lojas físicas.

Segundo o mesmo relatório, no pagamento em loja a larga maioria dos consumidores escolhe o cartão de débito pela comodidade (71%). As compras realizadas através de cartão de débito já “superaram os levantamentos nas caixas automáticas, assistindo-se nos últimos 15 anos ao aumento do rácio entre as compras e os levantamentos”.

Para pagar compras online, o multibanco ainda é o meio mais utilizado (53%), seguido pelo MB Net (33%) e do cartão bancário (26%). A segurança é o fator que “mais influencia a escolha de um método de pagamento”, adianta o estudo.

Já nos pagamentos de montantes elevados entre pessoas, as “transferências bancárias são o método mais comum, preferindo os portugueses recorrer aos canais digitais”, como o homebanking, por estes meios “serem rápidos e seguros”. No entanto, destaca a SIBS, “no pagamento de montantes reduzidos, o numerário continua a ser o meio preferido”.

As formas digitais alternativas de pagamento disponíveis no mercado português são, também, as mais conhecidas pelos inquiridos no estudo SIBS. Deste, destaca-se o MB Net, com uma taxa de utilização de 55%, com os meios de pagamento lançados pelas grandes marcas globais, como o Android Pay ou Apple Pay, ainda são pouco conhecidos pelos portugueses, indica a empresa.