Os números são do diretor executivo da AdDuplex, uma empresa especializada em serviços de publicidade para as plataformas móveis Windows: cerca de metade dos equipamentos do ecossistema não vão receber o Windows 10. As contas são feitas conhecendo os diferentes equipamentos já lançados no mercado, as respetivas quotas de mercado e a lista de atualizações divulgada pela Microsoft.

O Windows 10 Mobile começou a ser distribuído na semana passada, mas apenas para um número limitado de equipamentos. De fora ficam mesmo três dos quatro equipamentos Lumia mais populares: modelos 520, 630 e 635. Alguns antigos topo de gama como o Lumia 920 também não constam da lista oficial.

Quota de mercado dos dispositivos Lumia de acordo com dados da AdDuplex de janeiro de 2016


A Microsoft num primeiro momento tinha referido que todos os smartphones Windows Phone 8.1 migrariam para a nova versão do sistema operativo, mas depois acabou por contradizer-se. Em causa estão alguns requisitos mínimos para que o software execute de forma satisfatória.

Além dos smartphones de marca própria outros equipamentos como o Yezz Billy 4.7 também não vão migrar para o Windows 10.

Com esta divisão a Microsoft pode estar a 'condenar' os utilizadores que vão ficar no Windows Phone 8.1 já que aos poucos os programadores acabam por deixar de suportar as versões de sistemas operativos com menos expressão.

O grande objetivo da tecnológica norte-americana é que o Windows 10 esteja instalado em mil milhões de dispositivos até o final de 2017.