ICT2015: Lisboa respira ciência com os melhores projetos de TIC. E alguns falam português

Para a exposição do ICT2015 foram escolhidos 150 dos melhores projetos de I&D na Europa, selecionados pela inovação e a capacidade de transformação que podem ter num futuro (mais ou menos) próximo. 10 têm participação portuguesa.

tek ict2015 vista da entrada

Entre os muitos polos de interesse do ICT2015, que se realiza esta semana em Lisboa, a exposição de projetos e de empresas e organizações ligadas às Tecnologias da Informação na Europa tornou-se num elemento de dinamização e atração de investigadores, empreendedores e empresários que viram demonstrações, exploraram protótipos e colocaram questões.

No espaço do Centro de Congressos de Lisboa, mas também na Praça do Comércio, foi possível “respirar” inovação e perceber as tendências que vão marcar os próximos anos na investigação científica e nas tecnologias de informação e comunicação.

Entre robots com funções diversas, mas muito viradas para a comunicação e educação, um robot que cresce como as plantas, investigação sobre o cérebro, aplicação da quântica à física ou sistemas de autenticação mais robustos que podem ser acoplados ao telemóvel, os visitantes tiveram muito para descobrir e experimentar nas três vilas da exposição organizadas com o tema Inovar, Ligar e Transformar.
Veja na galeria abaixo algumas imagens da conferência e dos projetos que o TeK visitou nos últimos dias.


O evento ICT2015 concentrou mais de 6 mil profissionais da área em Lisboa e encerra hoje depois de três dias intensos, onde a par das muitas conferências e dos mais de cinco mil metros de exposição houve muito espaço de networking e troca de experiências.
Mas não faltaram também os prémios, alguns já referidos na galeria de projetos. No Innovation Radar Prize a Broadbit foi o grande vencedor com a tecnologia de baterias inteligentes, enquanto o CEO da TripRebel, Carlos Borges, foi nomeado a melhor startup europeia em 2015 na Tech All Stars. O concurso da Fiware para Smart Urban Farming foi ganha pela Obergudt, Siibii e Vegs in touch.

Veja ainda um vídeo sobre a exposição na Praça do Comércio e os principais projetos que estiveram à disposição do público.

Nokia 3310

O Nokia 3310 recupera a nostalgia de uma das primeiras gerações de telemóveis. Está disposto/a a comprar um?

Mais informação

  • Sim e vou abandonar o meu smartphone

    19%

  • Sim, mas só para jogar Snake

    10%

  • Vou oferecer a alguém

    10%

  • Não, é só um "dumbphone"

    59%