Microsoft faz mais um investimento na virtualização de aplicações com a aquisição da Deis

A empresa é especializada em tecnologia container, um dos conceitos em voga no universo da computação onde a Google tem conseguido manter-se à frente com alguma distância. A Microsoft, no entanto, não quer perder o barco.

tek microsoft

A Microsoft anunciou esta segunda-feira a aquisição da Deis, uma startup norte-americana que é responsável pelo desenvolvimento de algumas das ferramentas open-source mais utilizadas na construção e gestão de aplicaçoes de larga escala em cloud com uma especialização no serviço de container de Kubernetes da Google. Os valores envolvidos no negócio, no entanto, não foram revelados.

Apesar da gigante tecnológica ter já desenvolvido o seu próprio serviço de container com o Azure, o mundo da computação está a pender para um padrão comum com a proposta da Google. Sem intenções de ficar para trás neste segmento que muito representa na nova identidade da Microsoft, a empresa está assim a assegurar o conhecimento necessário para se manter na linha da frente.

"Na Microsoft temos assistido a um crescimento substancial tanto no interesse como no desenvolvimento de trabalho em container no Azure e estamos, por isso, comprometidos em assegurar que a plataforma é a melhor para o executar", disse, numa publicação feita no blog da empresa, Scott Guthrie, vice-presidente para os serviços cloud da tecnológica de Redmond.

Neste momento, a Deis fornece três ferramentas open-sourcee essenciais na gestão de desenvolvimentos em Kubernete: a Workflow, que agiliza o trabalho de equipa na criação de aplicações em container, a Helm que facilita processos no exercício da gestão de aplicações; e a Steward, um programa que permite que várias apps comuniquem os seus dados entre si. Até à data, o modelo de negócio consiste no fornecimento de assistência técnica paga e na formação de profissionais. Mozilla, CloudMine e Social Radar são apenas alguns dos clientes da empresa.

O container é uma forma de virtualizar aplicações dentro de um servidor Linux através "da criação de múltiplas instâncias isoladas de um determinado sistema operacional dentro de um único hospedeiro", como explica o engenheiro de sistemas João Barros de Almeida.

Votação TeK

Já tem uma PlayStation 4 Pro ou está à espera da Xbox Project Scorpio?

  • Já tenho a PS4 Pro mas estou curioso para conhecer a nova Xbox

    9%

  • Estou à espera da Project Scorpio para voltar a investir numa consola

    15%

  • Não tenho a PS4 Pro mas também não tenho interesse na próxima Xbox

    36%

  • Prefiro jogar no computador

    38%