Oracle vai apostar nas redes sociais

O lançamento de uma nova suite para criação e gestão de informação nas redes sociais, em tempo real, integrável com a plataforma Oracle, é a principal novidade da edição 2012 da Oracle OpenWorld, que hoje termina.

Oracle vai apostar nas redes sociais
Foi durante a edição 2012 da Oracle OpenWorld que a Oracle anunciou o reforço da sua aposta nas plataformas de computação na cloud e, sobretudo, na interação das empresas com as redes sociais.

Larry Ellison, CEO da empresa, tomou as rédeas da apresentação de novos produtos para destacar a suite Oracle Social Relationship Management, com a qual a Oracle pretende garantir às empresas novas ferramentas para ganharem "uma visão holística do consumidor".

Em termos práticos, a nova suite permite aos utilizadores participar em ações de marketing diretamente em redes sociais, criar conteúdos, comercializar produtos e analisar a reação dos utilizadores em tempo real, suportando a integração com outras aplicações Oracle.

Por outro lado, a empresa integrou a Oracle Social Relationship Management nos serviços sua plataforma Oracle, que inclui o Oracle Java Service Cloud e o Oracle Database Service Cloud.

Ainda no domínio da Cloud, Larry Ellison aproveitou o evento para lançar oficialmente a versão 11.1 do Solaris, o sistema operativo da Oracle para a computação na cloud. De acordo com um comunicado da empresa, a nova versão acrescenta novas funcionalidades de segurança e adiciona recursos para adequar a implementação de aplicações de elevada disponibilidade.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Votação TeK

A confirmação do primeiro acidente mortal envolvendo um Tesla Model S em piloto automático mudou a forma como encara os carros que se conduzem a eles próprios?

Mais informação

  • Não, o condutor não respeitou os avisos de segurança, logo o erro foi humano e não do sistema.

    33%

  • Não, mas não tenciono tirar os olhos da estrada quando entrar num carro autónomo.

    18%

  • Não, porque já não tinha intenção de entrar num carro autónomo.

    13%

  • Sim, provou-se que a tecnologia ainda não é segura e tem de ser mais testada antes de vir para a estrada.

    35%