Parlamento reforça conteúdos no site e nas redes sociais. E até vai ter canal no YouTube

Entregar e subscrever petições via internet, acompanhar todo o processo legislativo de um diploma ou conhecer o sentido de voto de cada deputado são algumas das possibilidades que vão estar disponíveis até ao final do ano.

tek parlamento

Fazem também parte do plano de “desmaterialização integral das comunicações relativas ao processo legislativo” a possibilidade de acompanhar em tempo real praticamente todos os trabalhos das diversas comissões parlamentares e ter mais notícias do que se passa no Parlamento nas redes sociais.

Está ainda a ser tratada a assinatura de um protocolo com os restantes órgãos de soberania – Presidência da República, Governo e Tribunal Constitucional – para que os diversos atos de validação dos diplomas, como a assinatura, a promulgação pelo Presidente e a referenda do primeiro-ministro possam ser todos feitos digitalmente, segundo avançou Jorge Lacão, no final da conferência de líderes desta quarta-feira, dedicada ao grupo de trabalho do Parlamento digital, citado pelo jornal Público.

Para além da TDT e de ser transmitido no site, o canal Parlamento vai também apostar na presença no YouTube de forma a poder ser acompanhado nos smartphones.

 “Será o exemplo, ao mais alto nível dos órgãos de soberania, de aposta na sociedade digital”, referiu o deputado. As mudanças vão começar a surgir a partir de outubro. 

Votação TeK

Já tem uma PlayStation 4 Pro ou está à espera da Xbox Project Scorpio?

  • Já tenho a PS4 Pro mas estou curioso para conhecer a nova Xbox

    10%

  • Estou à espera da Project Scorpio para voltar a investir numa consola

    13%

  • Não tenho a PS4 Pro mas também não tenho interesse na próxima Xbox

    36%

  • Prefiro jogar no computador

    39%