O que podemos esperar da edição de 2017 do Mobile World Congress?

No final do mês, Barcelona vai receber mais uma edição do Mobile World Congress. Todos os anos o evento serve de palco à apresentação de novos dispositivos móveis e este não será exceção.

tek mwc mobile world congress entrada

Entre os dias 27 de fevereiro e 2 de março todos os olhos do mundo da tecnologia vão estar virados para Barcelona. Aliás, o frenesim começa muito mais cedo, com a preparação das apresentações que começam logo no fim de semana anterior, a montagem de stands e a "preparação" da cidade que é inundada de profissionais e curiosos desta área.

Algumas das novidades já são conhecidas e têm sido reveladas de forma mais ou menos oficiosa, mas há que esperar boas notícias no mundo dos gadgets e afins. No ano passado, por exemplo, a Samsung apresentou o S7 e o S7 Edge e a LG revelou o G5, cujo conceito de modularidade surpreendeu o mercado mas acabou por não se mostrar apetecível para o consumidor.

Para que ninguém se perca entre o "menu" de promessas, reunimos aqui as mais mediáticas:

Samsung

Este ano, contrariamente ao esperado, não está prevista a apresentação do S8. No entanto, em jeito de compensação, a Samsung deverá apresentar um novo tablet, que, ao que tudo indica, será o novo Galaxy Tab S3.

Os primeiros rumores indicam que este dispositivo vai ter um ecrã de 9,6 polegadas, um processador Qualcomm Snapdragon 820 e 4GB de RAM.

A apresentação do dispositivo está prevista para o pré-evento do Mobile World Congress, a 26 de fevereiro.

BlackBerry


Também a BlackBerry deve aproveitar o evento para apresentar o "Mercury". O smartphone vai contar com um teclado físico QWERTY, um processador Qualcomm Snapdragon 625, 3GB de RAM e uma câmara traseira de 18MP.

Nokia

O regresso da Nokia aos grandes palcos da eletrónica de consumo pode acontecer em Barcelona com a apresentação de um tablet gigante. Depois de ter lançado o seu smartphone Android, surgiram rumores de que a marca iria apresentar um tablet de 18,4 polegadas e com sistema operativo Android 7.0 Nougat.

Huawei

Será no MWC que a Huawei vai apresentar o seu novo topo de gama. Depois do sucesso do P9, a empresa chinesa deverá lançar o P10 e o P10 Plus no dia 26 de fevereiro. Uma alegada imagem promocional mostra que o P10 irá chegar em três variantes (com 4GB de RAM e 32GB de ROM, 4GB de RAM e 64GB de ROM e 6GB de RAM e 128GB de ROM) e o P10 Plus em duas variantes, com 4GB de RAM mais 64GB de armazenamento interno e 6GB de RAM e 128GB de ROM. Em termos de ecrã, o P10 deverá chegar às 5,2 polegadas e o P10 Plus às 5,5 polegadas num display curvo, semelhante às versões Edge da Samsung.

LG

Contas feitas a todas as "antecipações, o grande destaque parece ser o G6, da LG. Têm surgido vários rumores sobre o dispositivo da empresa sul-coreana e o mais recente indica que terá um “ecrã grande” de 5,7 polegadas que se “ajusta” à dimensão do equipamento.

Embora o principal foco pareça estar nos smartphones, não são só estes equipamentos que dominam as atenções no Mobile World Congress e a LG irá expor um novo par de smartwatches lançados recentemente: o LG Style e o LG Sport. Estes serão os primeiros relógios Android com o mais recente sistema operativo da Google, o Android Wear 2.0, e tudo indica que os fãs podem contar com 512MB de RAM, 4GB de armazenamento interno, uma bateria de 240mAh e sensores Bluetooth e Wi-Fi.

Haverá ainda muito para escrever sobre realidade virtual, aplicações, soluções para telecomunicações e o mercado empresarial, temas aos quais o TeK também estará atento com reportagem diretamente de Barcelona.

Nokia 3310

O Nokia 3310 recupera a nostalgia de uma das primeiras gerações de telemóveis. Está disposto/a a comprar um?

Mais informação

  • Sim e vou abandonar o meu smartphone

    19%

  • Sim, mas só para jogar Snake

    10%

  • Vou oferecer a alguém

    10%

  • Não, é só um "dumbphone"

    59%