Piratas vão criar Partido Europeu e programa comum

A decisão foi tomada na Assembleia Geral do Partido Pirata Internacional, que decorreu em Praga. Os vários Partidos Pirata vão participar nas eleições europeias e criar um programa comum a incluir nos seus diversos programas individuais, revelaram.

Piratas vão criar Partido Europeu e programa comum
Está oficialmente em marcha a criação de um Partido Pirata Europeu. A decisão foi tomada por uma assembleia composta por representantes dos movimentos pela partilha legal de ficheiros em 28 países. Ficou também assente que os vários partidos vão criar um programa comum e participar nas próximas eleições europeias.

A informação é avançada hoje pelo movimento para a criação do Partido Pirata Português (PPP), num comunicado em que faz o rescaldo da última Assembleia Geral do Partido Pirata Internacional, que decorreu em Praga (República Checa), no último fim de semana.

"Os participantes redigiram e assinaram uma declaração sobre as próximas Eleições Europeias de 2014. Os Partidos Pirata vão participar nas eleições europeias, incluem um programa comum nos seus programas individuais e vão formar um partido político a nível da União Europeia", lê-se na nota publicada no site do movimento nacional.

Não são, porém, detalhadas informações relativas à matéria ou orientações que vão constar do programa comum.

A declaração conta, para já, com a assinatura de militantes destes movimentos em 19 países - como a Suécia, Alemanha, Itália, Bélgica, França, Reino Unido ou Portugal. Os Partidos propriamente ditos são "convidados a ratificar a declaração" nos meses que se seguem, escreve o PPP.

A agenda dos piratas incluiu ainda a admissão de novos membros efetivos, como é o caso do Partido Pirata da Grécia e o Partido Pirata da Croácia e eleição de um novo quadro para o PPI. Os partidos da Flórida e da Baixa Saxónica passaram a fazer parte dos "membros observadores".

Os novos responsáveis estão empenhados em promover "reuniões regionais" e um "congresso internacional sobre patentes", durante o próximo ano. Ter "mais oportunidades para a interação, irá acelerar o crescimento do movimento dos partidos pirata em mais regiões como as Américas Latina e do Norte", defendeu Gregory Engels, eleito co-presidente.

Outra das propostas é a realização da primeira Assembleia Geral do PPI online", uma medida que deverá permitir a mais piratas participarem na elaboração da futura cooperação internacional, esperam.



Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Votação TeK

Já tem uma PlayStation 4 Pro ou está à espera da Xbox Project Scorpio?

  • Já tenho a PS4 Pro mas estou curioso para conhecer a nova Xbox

    9%

  • Estou à espera da Project Scorpio para voltar a investir numa consola

    15%

  • Não tenho a PS4 Pro mas também não tenho interesse na próxima Xbox

    36%

  • Prefiro jogar no computador

    38%