Porto Editora lança uma nova chancela dedicada à publicação de livros digitais

Tem o nome de Coolbooks e quer funcionar como uma plataforma onde escritores desconhecidos ou pouco conhecidos podem ter uma oportunidade no panorama da literatura nacional. A entrada faz-se através das novas tecnologias.

Porto Editora lança uma nova chancela dedicada à publicação de livros digitais
Todas as semanas a Porto Editora diz receber dezenas de obras de escritores portugueses que mesmo tendo qualidade, a sua publicação em formato impresso implicaria um risco demasiado grande. Por isso a editora portuguesa decidiu criar a Coolbooks, uma plataforma onde estes livros terão uma oportunidade em formato digital.

Como revela o responsável pelo novo projeto, Vítor Gonçalves, ao Público, apesar de ainda não terem uma expressão muito significativa no mercado português, os livros em formato digital tendem a representar o futuro do segmento. Por isso a Porto Editora tem apostado nesse formato, sobretudo através da loja online da Wook.

Em 2012 a Porto Editora já tinha feito uma aposta nos ebooks, disponibilizando centenas de livros através de um qualquer browser de qualquer dispositivo, seja ele um computador ou um smartphone: o eWook.

Agora com a Coolbooks a editora também quer dar uma oportunidade aos escritores “menores”, definindo-se como o “sítio dos novos autores”. A loja online estreia-se com sete obras, cujos preços variam entre os três euros e os nove euros, e promete ser generalista.

CoolBooks

Ficção, erótico, policial, romance, conto e conto de horror são os estilos que estão para já representados na primeira vaga de livros.

“O crescente número de dispositivos móveis tem contribuído para o desenvolvimento de novos hábitos de leitura e é tendo no horizonte a ideia de que o futuro da edição passa também pelo digital” que surge a nova chancela da Porto Editora, como é dito no site da nova plataforma.

A Coolbooks acaba por ser diferente da plataforma Escryptos da editora Leya, já que todos os livros publicados são escolhidos pela Porto Editora. No caso da Escryptos os autores podem fazer uma autopublicação das suas obras e até requerer, mediante pagamento, serviços como revisão do livro ou design do mesmo.

O novo projeto da Porto Editora é estreado na véspera do dia mundial do livro que se celebra amanhã, 23 de abril. Os leitores podem ainda reler a Sugestão TeK sobre onde pode encontrar ebooks em português.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Nokia 3310

O Nokia 3310 recupera a nostalgia de uma das primeiras gerações de telemóveis. Está disposto/a a comprar um?

Mais informação

  • Sim e vou abandonar o meu smartphone

    19%

  • Sim, mas só para jogar Snake

    10%

  • Vou oferecer a alguém

    10%

  • Não, é só um "dumbphone"

    59%