Esta semana o Tek traz-lhe mais uma aplicação do que o costume. Desta feita são sete as propostas que lhe damos para instalar no seu smartphone ou tablet.

Neste artigo vai encontrar apps para tudo e mais alguma coisa. Desde uma solução para criar bandas sonoras para os seus vídeos, passando por um posto de controlo para o indicador LED de notificações do seu smartphone e até uma app que promete dar utilidade ao tempo que perde nos aeroportos, transformando-o em dinheiro.

O melhor, no entanto, é que todas estas aplicações são gratuitas.

Confira a nossa seleção desta semana na lista abaixo:

Dê sentimento aos seus vídeos com a Moodelizer

A aplicação é gratuita e promete "temperar" os seus vídeos com seleções sonoras épicas que vai poder controlar de acordo com a intensidade da ação gravada.

Se quer tornar os seus vídeos caseiros mais épicos, esta é a aplicação que precisa de descarregar. Chama-se Moodelizer, é fácil de utilizar e está disponível gratuitamente para iOS.

Nesta aplicação vai encontrar uma câmara, mas, sobretudo, um mecanismo de sonorização que lhe vai dar controlo sobre as bandas sonoras das suas criações.

Neste caso, basta selecionar um género musical e experimentar as suas variações, arrastando um círculo pela imagem. O eixo vertical permite-lhe ajustar a intensidade da faixa e o horizontal deixa-lhe alterar entre as várias opções melódicas.

A Light Manager permite-lhe controlar a cor do LED de notificações do seu Android

Com esta app pode definir as cores e a frequência de repetição do LED para cada uma das notificações do seu smartphone, desde uma SMS pendente, à existência de sinal Wi-Fi.

Se o seu smartphone tem um indicador luminoso de notificações, esta app pode ajudá-lo a dominá-lo. Chama-se Light Manager - LED Settings e consiste num painel de controlo onde ficam disponíveis vários reguladores e opções de ajustamento para que possa dar uma cor e uma frequência de repetição específica a cada uma das aplicações que tem instalada no seu equipamento.

Com esta app pode, por exemplo, definir que quer uma luz verde intermitente sempre que receber uma notificação de atualização de software ou uma luz amarela e fixa no caso de uma mensagem de texto. As combinações, na verdade, só serão limitadas pelas suas preferências e quase todas as ações no seu smartphone podem ser articuladas com esta app.

Esta é uma forma rápida e personalizada de consultar a existência de notificações no seu smartphone sem o ligar.

A app é gratuita e está disponível para Android. Os responsáveis pela app avisam, no entanto, que não a utilize num Galaxy S8 ou S8 Plus, uma vez que existem vários relatos de problemas com o LED de notificações após a utilização desta app nestes smartphones.

Nova app permite transformar tempo em dinheiro enquanto espera pelo avião

O tempo é um bem demasiado precioso para ser perdido, seja pessoal ou profissional, mas é este último que a Business In The Air quer ajudar a rentabilizar. Possivelmente para benefício do primeiro.

A ideia da Business In The Air é criar oportunidades de negócio e incentivar a troca de informação nos aeroportos, entre quem viaja por razões profissionais. Primeiro nos nacionais, através da ANA, onde já está disponível e, em breve, em aeroportos um pouco por todo o mundo.

Tudo começou com alguém que pensa, como muitos, que o tempo passado à espera de um voo é um desperdício. Neste caso num regresso da feira de tecnologia CeBIT. “Enquanto aguardava voo já na escala em Frankfurt, constatei que reconhecia alguns dos passageiros. Não por nos termos cruzado em Hannover, mas sim porque já tínhamos partilhado o voo de ida. Era certo que estavam a viajar pelas mesmas razões que as minhas, isto é, profissionais”, contou ao TEK Georges Ribeiro, CEO da startup Business In The Air, que também dá nome à recente aplicação.

Se “tempo é dinheiro” e os contactos são novas oportunidades de negócio, tudo isso estava a ser desaproveitado e foi assim que nasceu a ideia de criar a Business In The Air. Ganhar um um concurso promovido pela VINCI Airports, uma das cinco maiores operadoras de aeroportos do mundo, em março de 2016, ajudou à concretização.

“Depois de vencermos o concurso, a ideia foi trabalhada e foi constituída a equipa que desenvolveu a app. Acabámos por levar uma versão ao Web Summit, mas muito beta”, referiu Georges Ribeiro. Os testes “à séria” decorreram no início deste ano, “e permitiram fazer alguns ajustes”. A versão final estreou-se no universo móvel a 5 de maio último.

A Business In The Air está neste momento disponível nos aeroportos Humberto Delgado (Lisboa) e Francisco Sá Carneiro (Porto), como uma funcionalidade integrada na app da ANA (Aeroportos de Portugal), para Android e iOS, ou diretamente, na própria app, a partir da Google Play ou da App Store.

Funciona com base num perfil profissional - que pode ser importado do LinkedIn. A intenção é oferecer a possibilidade de entrar em contacto com outros passageiros num raio de 450 metros, que partilhem o mesmo voo ou que se encontrem no aeroporto em períodos de tempos coincidentes, apresentando uma lista de oportunidades.

A cada oportunidade corresponde um perfil profissional, possibilidade de conexão, de comunicação via chat e de encontro num dos Meeting Point especialmente selecionados pela ANA nos aeroportos de Lisboa e Porto.

Esta app ajuda os mais novos a fazerem as suas histórias 3D no Android

Em vez de serem jogadores passivos, que tal deixar os mais novos assumirem hoje o papel de criadores, dando vida aos seus próprios cartoons? Experimente o Toontastic 3D no smartphone ou tablet e partilhe os resultados.

A aplicação é da Google e foi baseada na ferramenta Toontastic, mas no início deste ano a empresa lançou uma versão para Android, que agora foi renovada e otimizada .

A Toontastic 3D permite desenhar, animar e fazer a narração de uma história animada de forma fácil, movimentando as personagens no ecrã e gravando a voz dos protagonistas. No final transforma tudo num vídeo 3D.

A última renovação de conteúdos e funcionalidades conta com a parceria da Disney e da Pixar, com as personagens do filme Carros 3, mas há mais modelos do Fruit Ninja Frenzy Force. Com tudo isto é uma caixa de brinquedos cheia de possibilidades para puxar pela criatividade e animar os tempos livres.

A app já tinha passado pelo Tek mas este é um regresso bem merecido pela renovação de que foi alvo. É verdade que parece desenhada para os mais pequenos, mas a app pode ter múltiplas aplicações, como por exemplo ajudar a animar o álbum de fotografias da família.

O download é grátis na loja Google Play.

A assistente pessoal do seu Android agora pode ser a Cortana da Microsoft

Parece estranho mas é verdade. Os utilizadores de sistemas Android agora podem substituir a Google Assistant pela Cortana com a nova versão da app da Microsoft.

A assistente pessoal da Microsoft já mostrou os seus créditos nos sistemas Windows e agora quer conquistar os smartphones e tablets Android. Ou pelo menos assim parece.

Um estudo recente indica que a Google Assistant é a mais eficiente nas respostas, e mais rápida, seguida pela Cortana e deixando mais longe a Siri da Apple e a Alexa da Amazon, mas há gostos para tudo.

Se instalar a nova versão da Cortana para Android vai poder configurar o sistema operativo para usar a assistente da Microsoft quando carregar no botão home de forma prolongada.

E a vantagem adicional é a capacidade de comunicar informação entre plataformas, pelo que se tiver uma chamada perdida no smartphone pode receber a notificação no PC Windows, enquanto notas criadas no computador podem ser ativadas no telemóvel.

Mas note que as limitações da app são as mesmas que conhece no computador, nomeadamente a falta da versão para português, que tarda em ser lançada.

A app Cortana está disponível gratuitamente na loja Google Play.

O vídeo abaixo mostra algumas das funcionalidades da aplicação.

Parta à descoberta do dragão com a ajuda da realidade aumentada

Para promover o filme A Lenda do Dragão da Disney foi criada uma aplicação que tira partido da realidade aumentada para levar os mais novos a descobrir onde se esconde o dragão do filme.

O jogo chama-se Dragon Spotting e só precisa de um smartphone ou tablet, acesso à câmara e de ligação à internet, mas sem necessidade de instalar nenhuma app. A aplicação móvel desafia os mais pequenos a cumprir algumas missões para descobrir o Dragão que está escondido em alguns objetos comuns, como sofás, ou portas.

Basta apontar a câmara para o local pedido e o dragão Elliot aparece, com o seu ar simpático que tem no filme, fazendo as delícias dos mais novos.

A aplicação de realidade aumentada usa a Google Cloud Vision para analisar e identificar os objetos e quando a missão está cumprida os jovens descobridores têm direito a uma viagem às costas do dragão.

Para aceder à aplicação pode usar este link ou aceder ao site e utilizar o QRCode.

O vídeo explica o processo e mostra o funcionamento da aplicação.

Nova aplicação de encontros propõe "match" mas às cegas

Chama-se First e entra no rol de apps do género do Tinder e do Happen, mas vai um bocadinho mais longe a testar a “coragem” dos utilizadores num primeiro encontro.

O criador da nova aplicação acha que deslizar fotos para a esquerda e para a direita está demasiado visto e decidiu (tentar) criar um ponto diferenciador no que ao universo do dating móvel diz respeito.

A proposta é simples: adiar a possibilidade do chamado “match” para o primeiro encontro. Ou seja, em vez andarem horas, dias ou semanas a trocar mensagens com alguém do outro lado do ecrã do smartphone antes de combinarem algo, os utilizadores passam toda a conversa para o date em si.

Em vez de gostar de um perfil, terá de marcar um dia e hora para um encontro num local público. Vai ter à disposição várias opções, como bares, restaurantes, eventos desportivos ou cinema.

Quem estiver interessado pode “candidatar-se” e horas antes é a vez do “anfitrião” informar quem é o “vencedor”. Em nenhum momento há oportunidade de trocar contactos ou mensagens antes.

De momento, a First só está disponível para iOS e apenas nos Estados Unidos, mas deverá ser alargada a outros países muito em breve, assim como ter versão Android.