Embora o período de entrega do Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) seja iniciado apenas em Fevereiro do próximo ano, o IRScalc já permite calcular quanto terá a pagar, ou receber, na liquidação deste imposto. A aplicação da Jurinfor está há 16 anos no mercado e é sempre disponibilizada antes do final do ano, com dados actualizados, para que os contribuintes possam gerir investimentos e maximizar deduções possíveis.

A DGCI tem também no seu site um simulador do IRS, que permite o preenchimento online da declaração e já conta com alguns dados pré-preenchidos, mas normalmente só actualiza a aplicação mais próximo das datas de entrega das declarações de imposto.

No IRScalc o cuidado da Jurinfor centra-se na actualização da aplicação a cada ano com as informações já disponíveis, embora vão sendo realizados acertos à medida que algumas das informações vão sendo actualizadas ou que há mudanças nos formulários que têm de ser incorporadas.

Depois de ter tido um período em que o download da aplicação na sua versão base era gratuito, graças a um apoio da Caixa Geral de Depósitos, este ano também a versão simples tem um custo, que é de 7,5 euros e garante o acesso a todas as actualizações.



Para quem quer calcular dados de mais de 200 agregados familiares o custo é de 130 euros (versão Ilimitada), enquanto na versão PROfissional (para mais de 21 e menos de 200 agregados) o preço é de 75 euros. A versão familiar custa 15 euros e permite fazer o cálculo de 2 a 20 agregados familiares.

Descarregar e instalar

A aplicação da Jurinfor está disponível para sistemas operativos Windows, XP e Vista, e exige um mínimo de RAM entre 128 e 256 MBytes, assim como 210 MBytes livres no disco rígido.

Para descarregar a aplicação é necessário fazer primeiro o registo, após o que recebe por email um código de cliente que deve usar sempre na relação com a empresa. A aquisição da licença dá direito à emissão de um código de activação que pode usar na instalação da aplicação.

Depois de instalado o IRScalc07, versão simples, permite calcular todas as categorias de rendimentos, podendo preencher todos os formulários e imprimir directamente nos mesmos. a aplicação conta ainda com informação sobre as deduções, abatimentos e benefícios fiscais que podem ser preciosos se surgir alguma dúvida de preenchimento.

http://imgs.sapo.pt/gfx/441193.gif

A legislação incluída com a aplicação está actualizada em relação aos códigos do IRS e IRC assim como da legislação complementar e estatuto dos benefícios fiscais.

Quando terminar de preencher o programa calcula o imposto a pagar ou receber (a hipótese preferida por todos os contribuintes, apresentando uma demonstração de liquidação com detalhe para as várias categorias de rendimento dos sujeito passivo.




http://imgs.sapo.pt/gfx/441195.gif




Quando chegar à altura de entregar o imposto pode imprimir directamente nos formulários oficiais - Modelo 3 e todos os anexos- ou gerar um ficheiro para exportar para o site e-financas e assim entregar o imposto online, tal como já faz um grande número de contribuintes.




http://imgs.sapo.pt/gfx/441194.gif

Se achou o processo fácil e quiser "profissionalizar" os seus serviços, entendendo-os a família e amigos, vai ter de adquirir a versão Familiar ou Profissional, já que a versão simples só permite o cálculo de um agregado familiar.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.