Quem quiser já assinalar a vontade de comprar esta segunda edição do Blackphone, fabricado pela Silent Circle, terá de fazê-lo um pouco “às escuras”, uma vez que a empresa ainda não revelou o preço do dispositivo.

Quando o modelo foi apresentado, na última edição do Mobile World Congress, em março, a empresa adiantou no entanto que o preço de comercialização rondaria os 629 dólares, o mesmo a que foi comercializado a primeira edição do modelo.

O Blackphone 2 vai contar com um ecrã de alta definição com 5,5 polegadas e Corning Gorilla Glass 3. Estará equipado com processadores de oito núcleos a 1,7 GHz, 3 GB de RAM, uma bateria de 3060mAh e slot para cartões microSD. A câmara é de 13 megapixéis e suporta comunicações 4G. O dispositivo corre o SilentOS (antes chama-se PrivatOS, uma versão do Android modificada pela SC para integrar as suas aplicações e tecnologia). 

A possibilidade de guardar ficheiros, enviar mensagens e ter comunicações de voz seguras são os elementos que distinguem o Blackphone da concorrência e a principal aposta da marca, que define o equipamento como o único smartphone desenhado para garantir privacidade.

Quem fazer uma pré-reserva do modelo preenche um formulário no site e espera o contacto de um vendedor da marca, que aceita encomendas de todo o mundo.

 

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.