A conferência que tem animado o início do ano no mundo das tecnologias da informação em Portugal começa já amanhã e nesta edição o contexto de pandemia voltou a não permitir a participação de assistência no espaço do Capitólio, em Lisboa, remetendo o acompanhamento para a plataforma online. Mas a experiência do Building the Future foi pensada para que seja reforçada a interação entre os participantes, assim como com os oradores e patrocinadores.

Durante os três dias estão previstas mais de 170 sessões, com 350 oradores e 65 horas de conteúdos, com temas ligados à inovação, empresas, startups, coding, bem estar, educação e hands on, organizados em 9 palcos. A agenda completa pode ser consultada online e há muitas sessões para acompanhar. O palco Inspiration tem alguns dos nomes mais sonantes da conferência e este ano conta pela primeira vez com legendagem e língua gestual em todas as sessões, uma iniciativa para tornar o Building The Future mais acessível.

Hoje há uma sessão especial às 19 horas, pensada para responder a todas as dúvidas.

Quem já se inscreveu pode começar a completar o seu perfil e marcar na agenda quais as sessões que lhe interessa seguir nos dias 26, 27 e 28 de janeiro, e os stands de patrocinadores a visitar. A plataforma permite também ativar os contactos, fazer pedidos de reunião e verificar quem são as pessoas sugeridas para encontros online.

Veja as imagens da plataforma com as várias funcionalidades

O sistema de Inteligência Artificial da plataforma vai fazendo sugestões, de acordo com o seu perfil e interesses, e uma das novidades este ano é a possibilidade de speed dating, espaços de 10 minutos em que a plataforma vai promover o contacto entre pessoas que têm perfil semelhante e que durante 3 minutos podem conversar online, como acontece normalmente nos intervalos das sessões nas conferências.

Apesar das sugestões é o próprio utilizador que gere a sua disponibilidade para reuniões, podendo bloquear alguns horários durante os quais a agenda não permite as conversas online.

As várias opções podem ser definidas no browser, na plataforma Building the Future, ou através da aplicação para Android e iOS.

Meta de 25 a 30 mil participantes em 2022

No final da semana passada já estavam inscritos mais de 15 mil participantes mas a meta é chegar aos 25 a 30 mil e a organização tem promovido uma série de ações para conseguir trazer mais pessoas para a conferência, entre profissionais de TI, estudantes e professores.

A paridade e diversidade são elementos importantes e Teresa Virgínia, CMO & PR Lead da Microsoft Portugal, explicou ao SAPO TEK que até à última sexta-feira o Building the Future contava com 56% de homens entre os inscritos, 39% de mulheres, 4% de pessoas de outro género não listado e 1% que não quiseram responder. “Estamos a fazer um esforço para ter uma participação mais equilibrada e diversa, e por isso gostávamos de ter mais mulheres a participar”, adiantou, lembrando que esse esforço de paridade foi feito nos painéis de oradores.

Foi disponibilizado um convite especial para as mulheres que quiserem participar, com inscrição gratuita, que pode seguir nesta ligação usando o código BTF22COMUTECHIE.

Esta semana os indicadores apontam para um número muito elevado de pessoas confinadas, a rondar 1 milhão, e Rebeca Venâncio, Head of PR & Communications, admite que isso até pode ser um motivo adicional para ter mais pessoas a acompanhar o Building the Future, aproveitando o isolamento para investir na formação e desenvolvimento pessoal e profissional, o que é válido para quem está no mercado de trabalho mas também para estudantes.

Uma experiência virada para o networking

Na plataforma do Building the Future vai poder acompanhar todas as sessões em direto e assistir a gravações até 4 de fevereiro, mas o networking com outros participantes é um dos pontos destacados pela Microsoft e pela imatch. A ideia é que exista uma dinâmica de diálogo entre a assistência, facilitada pelas ferramentas de Inteligência Artificial que procuram pessoas com interesses semelhantes e sugerem ligações.

É possível agendar reuniões online mas também fazer speedating com a ajuda da plataforma, em 3 minutos de conversa que depois podem dar lugar a videochamadas ou a reuniões posteriores. As conversas podem ser o princípio de uma base de amizade, ou negócio, o que pode acontecer entre os visitantes ou com as organizações e empresas que optaram por ter os seus stands virtuais para mostrarem produtos e soluções.

O SAPO TEK vai estar a acompanhar o Building the Future 2022, seguindo as principais novidades nos próximos três dias.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.