(Corrigida) O crescimento das vendas de notebooks e a tendência para a portabilidade parecem querer ofuscar a existência de computadores desktop, mas estes continuam a ser a primeira opção de muitos utilizadores nas empresas e em casa. Os formatos e preços não têm sofrido grande reinvenção, mas no próximo ano a expectativa é que surjam algumas novas tendências que prometem "reanimar" os PCs de secretária.

O TeK destaca algumas das novidades nesta área, entre os produtos lançados recentemente e que já estão, ou chegam em breve, às lojas nacionais.

HP para tocar
Só vai chegar às lojas portuguesas em Janeiro mas o TouchSmart da HP não podia deixar de figurar numa montra sobre os novos desktops. Todo o interface deste PC foi pensado para ser usado de uma forma mais intuítiva, com acesso rápido à informação e entretenimento usando como recurso o ecrã de toque e dispensando o teclado ou o rato.

Com poucos toques no ecrã podem criar-se listas de música, fazer zoom em fotografias, ver TV, verificar o tempo ou deixar mensagens a outros membros da família.

O HP TouchSmart quer merecer um lugar de destaque em casa, em vez de estar relegado para um canto do escritório e o design pode ajudar. O monitor tem 22 polegadas e ocupa pouco espaço, podendo o teclado ser "encaixado" por baixo. O processador é um Intel Core 2 Duo com performance à altura das exigências.

A HP já está a preparar novos modelos para esta linha, mas para já só o TouchSmart IQ500 deverá chegar a Portugal, com um PVP recomendado de 1.199 euros.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Box de secretária
O mini PC da Asus, o Eee Box, compacta num formato A5 as capacidades de um PC de secretária, reduzindo o espaço ocupado pelas tradicionais "torres", mas mantendo a estrutura vertical.

O modelo herda a experiência da Asus com o Eee PC e foi concebido especialmente para quem não tem um escritório em casa e se debate com pouco espaço. Por isso deve ser também conjugado com um monitor LCD, que não faz parte do pacote.

Mesmo com a redução do espaço o Eee Box não deixa de lado as principais características exigidas por um utilizador de PC e possui ainda sintonizador de IPTV.

O processador é o Intel Atom N270, a 1,6 GHz e a memória RAM é de 1 GByte. O disco incluído é de 160 GBytes e a ligação à rede pode ser feita por cabo Ethernet 10/100/1000 ou via Wi-Fi com a norma 802.11n. O preço de venda a público é de 329 euros e o rato e o teclado sem fios já estão incluídos no pacote. Mas junte mais alguns pozinhos para o monitor (que convém ser LCD para combinar...).

[caption]Nome da imagem[/caption]


Diferença pelo verde

Os Lenovo ThinkCentre M58 e M58p não são propriamente dirigidos ao mercado de consumo, mas não deixa de ser uma proposta interessante pelo cunho focado na opção ecológica. Estes dois modelos começaram a ser comercializados em Dezembro e a diferença não está na apresentação nem no formato mas sim na aposta "verde".

Para além de serem os PCs com melhor performance nas várias certificações da indústria, com a classificação "EPEAT Gold", tendo superado os testes do GREENGUARD Environmental Institute, estes modelos vêm acompanhados do serviço de Recuperação de Activos da Lenovo que ajuda os clientes a gerirem a retirada dos equipamentos, a sua reciclagem e a destruição dos dados que contêm no final do seu ciclo de vida.

O preço de venda a público é de 556 ou de 641 euros consoante se trate do modelo M58 ou M58p.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Nota da Redacção: [2008-12-23 10:46] A notícia foi corrigida na referência à capacidade de disco do Eee Box e no facto de incluir já rato e teclado sem fios no pacote. Foi também substituida a imagem do TouchSmart IQ500.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.