A CES foi palco para a apresentação do novo design de referência do Classmate, o modelo da Intel para a educação que está na base do Magalhães, ou Magellen, na descrição em inglês da versão referida pela fabricante como um dos projectos de maior sucesso de aplicação do conceito.

Face aos modelos anteriores, o novo Classmate tem algumas diferenças. A primeira é o facto de pretender abranger um universo mais vasto de alunos, indo além do primeiro ciclo de ensino em que se posiciona o Magalhães. O design é a segunda grande diferença, já que o novo modelo converte-se num tablet para dar mais comodidade aos pequenos utilizadores. O processador também é diferente da versão original.

O Celeron M do primeiro Classmate dá lugar ao Atom N270 a 1.6-GHz, com gráficos GMA 950. A tolerância ao toque da mão no ecrã touch-screen também foi melhorada, para permitir aos utilizadores adoptarem uma posição mais confortável enquanto escrevem, tal como a pega para transportar o equipamento.

[caption]Classmate[/caption]

Mantêm-se um conjunto de características adaptadas às necessidades das crianças, como o teclado resistente à água, pouco peso, materiais resistentes a quedas e câmara incorporada, mas desta vez, rotativa.

Sobre o teclado também importa dizer que se mantém pequeno, ocupando cerca de 84 por cento do tamanho de um teclado normal, mesmo à medida de dedos mais finos que os de um adulto.

No que se refere ao ecrã, o novo modelo oferece 8,9 polegadas de área sensível ao toque que pode ser usado com a mão ou com caneta. Duas portas USB asseguram a ligação a outros dispositivos e a capacidade Wi-Fi o suporte às versões 802.11abg e 802.11n da norma para comunicações wireless.

[caption]classmate[/caption]

O novo Classmate, que já está à venda em lojas online nos Estados Unidos, pode ter várias configurações que fazem variar o preço entre 300 e 600 dólares, assim como a memória disponível no equipamento. O sistema operativo também pode variar, entre o XP da Microsoft e Linux, bem como o peso, que na versão com autonomia de bateria para 4 horas ronda os 1,27 quilos.

O lançamento do novo Classmate ficou também marcado pelo lançamento da Intel Learning Series, uma iniciativa que abrange hardware, software e serviços, nomeadamente conteúdos, onde a Intel conta com a colaboração de vários fabricantes para assegurar que a oferta de materiais educativos para o PC é abundante.

[caption]classmate[/caption]

Numa "viagem" pela Internet à procura das primeiras impressões sobre o novo Classmate o TeK encontrou na imprensa internacional especializada reacções positivas à actualização do modelo de referência da Intel, quer pelo design, quer pela resistência, como também pelo preço a que chegará aos destinatários.

A Intel já assegurou acordos OEM com vários fabricantes nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, França, Chile, Austrália e China para fazer chegar às lojas o novo Classmate.

No anúncio internacional, bem como no comunicado que o resume, Portugal teve lugar de destaque com a Intel a sublinhar a importância do projecto, para si e para o país, e a revelar detalhes sobre a nova versão do equipamento, apresentada esta semana pela fabricante e pela JP Sá Couto em Lisboa.

[caption]classmate[/caption]

A fabricante sublinhou que em Portugal a Intel está a trabalhar com a JP Sá Couto e a CEIIA para desenvolver um "novo design do PC Magalhães que vai ter características únicas de leitura e escrita, ecrã mais largo, mais memória para conteúdos locais e opções de conectividade adicionais 3G e WiMax", descreve a imprensa internacional.

A Intel também frisou que as particularidades do Magalhães dão resposta a necessidades específicas do mercado português e explicou que vão coexistir com as soluções existentes que já integram o programa Magalhães.

Números apresentados pela Intel revelam que apenas 5 por cento dos 1,3 mil milhões de crianças em idade escolar em todo o mundo têm acesso ao PC ou à Internet. Os mesmos números também indicam que 75 milhões nem sequer frequentam a escola.

[caption]classmate[/caption]

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.