O total de amostras de malware de mineração de criptomoedas cresceu 86% entre abril e junho últimos, de acordo com o relatório de cibersegurança mais recente da McAfee Labs.

A empresa indica que foram identificadas mais de 2,5 milhões de novas amostras de malware para minerar moeda virtual  no segundo trimestre. Em comparação, o número de ataques nos primeiros três meses do ano tinha sido de cerca de 2,9 milhões, o que representa um aumento de 629% em comparação com as 400 mil amostras encontradas no quarto trimestre de 2017.

Aponta ainda que o software malicioso destinado a dispositivos mobile voltou a crescer pelo segundo trimestre consecutivo, desta vez 27%. Os clientes na América do Sul reportaram a maior taxa de infeção, de 14%. Em termos anuais, o crescimento do mobile malware foi de 42%.

Já as soluções maliciosas desenhadas para explorar vulnerabilidades ainda não corrigidas aumentaram 151%. Pode ter acesso a todos os dados do relatório de setembro neste link.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.