Está a terminar o ano e consequentemente o prazo para cálculo das receitas e despesas do Imposto sobre o Rendimento Singular dos contribuintes, embora a entrega das declarações só aconteça a partir de Fevereiro de 2009.

Se ainda não teve tempo de fazer as contas para calcular quanto terá a pagar ou receber, veja quais as ferramentas que podem auxiliá-lo nesta tarefa, aproveitando ainda para fazer alguns investimentos dedutíveis no imposto.

A aplicação disponibilizada no site e-Finanças é naturalmente o primeiro recurso para o cálculo do imposto, tendo já um nível de simplicidade elevado e com as vantagens que só a entidade pode garantir, como o facto de a declaração já ter uma série de campos pré-preenchidos, desde a identificação dos contribuintes aos rendimentos de trabalho dependente e descontos realizados para a segurança social.

O principal problema para quem quer antecipar os cálculos é que, para já, a versão disponível ainda é a referente ao cálculo do ano de 2007, devendo ser actualizada só nas primeiras semanas do próximo ano para as novas regras que se aplicam ao imposto de 2008.

Isto não invalida totalmente a possibilidade de simular quanto vai pagar ou receber de IRS no próximo ano, até porque as regras não tiveram grandes mudanças, mas dificulta o processo e anula as vantagens do pré-preenchimento, já que muito provavelmente os valores serão diferentes dos apresentados em 2007.

http://imgs.sapo.pt/gfx/423231.gif

Para a simulação antecipada a melhor alternativa é a aplicação IRScalc, da Jurinfor, que está há 17 anos no mercado e é sempre disponibilizada antes do final do ano, com dados actualizados, para que os contribuintes possam gerir investimentos e maximizar deduções possíveis.

Existe uma versão que pode ser descarregada gratuitamente, suportada pela Caixa Geral de Depósitos, mas que não permite a impressão em papel.

A Jurinfor tem também outras opções para um ou mais agregados familiares, com preços a partir de 10 euros. Estas garantem o acesso a todas as actualizações que vão sendo disponibilizadas pela empresa de acordo com as alterações aos modelos a preencher pelas Finanças.

A versão de 2007 deste software tinha sido analisada de forma detalhada pelo TeK, podendo este artigo ser consultado em Análise TeK: IRS - Quanto vai receber no próximo ano?. Neste artigo tem toda a informação sobre o download, instalação e utilização da ferramenta da Jurinfor, assim como sobre o upload dos dados para o site das Finanças de forma a completar a entrega da declaração do imposto online.

http://imgs.sapo.pt/gfx/441193.gif

Esperamos que as ferramentas sugeridas sejam úteis para as contas antes do fim do ano e a sistematização da informação para a entrega da declaração já em 2009, uma tarefa a que os contribuintes continuam a ser obrigados anualmente e que infelizmente ainda não se tornou mais simples e continua a ser dirigida a "mentes contabilísticas".

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.