O TeK destacou uma aplicação por dia durante a semana, que hoje pode ver na forma de resumo, como habitualmente.

Estre as sugestões deste domingo, vai poder encontrar um jogo que desafia o raciocínio, uma aplicação que pode ajudá-lo a livrar-se da publicidade e outra que pretende ajudar a manter focados os utilizadores que se distraem com facilidade.

Há também espaço para as comunicações, inclusive com a promessa de partilha de documentos em chamadas de voz (sim, percebeu bem). E tem um smartphone Android que sempre sonhou em "transformar" num iOS? Também há uma app para isso.

Veja tudo nas próximas páginas.

 

Rop é um jogo de lógica. Tem o que é preciso para superá-lo?

Do grande número de jogos casuais que todos os dias surgem nas lojas de aplicações dos principais sistemas operativos, alguns têm como objetivo “dar luta” ao cérebro. Se gosta do género, o Rop é um dos que vale a pena experimentar.

 

O desafio é simples: o jogador tem de replicar um determinado símbolo que lhe é mostrado. E isso é feito através da movimentação de pontos dentro de um hexágono que mais parece uma colmeia.

O problema é quando vários pontos estão ligados entre si e que obrigam à “desmaterialização” da simples imagem de um objeto.

Se os 77 níveis de desafio mental disponíveis não foram suficientes para o convencer, saiba que o design e fluidez do jogo convidam e muito à jogabilidade.

No Android o jogo é gratuito e no iOS será necessário pagar cerca de um euro para aceder ao jogo Rop.


Veja a próxima aplicação


Call+: As chamadas telefónicas não têm de estar limitadas à comunicação de voz

Já nos habituámos a partilhar documentos, mensagens, imagens e até vídeo na mesma comunicação, adicionando informação. Os clientes da Vodafone podem agora fazer isso tudo durante uma chamada telefónica com o Call+.

Para que tudo funcione é preciso instalar a aplicação Call+ que assume as tarefas de fazer a ligação entre as funcionalidades de voz e de partilha de documentos e de vídeo em streaming, mas é obrigatório ser cliente da operadora.

A aplicação foi lançada na semana passada para as plataformas iOS e Android, embora neste caso esteja ainda em processo de disponibilização gradual para suportar todos os dispositivos com este sistema operativo móvel.

Luis Cardoso, gestor de produto da Vodafone Portugal, explicou ao TeK que o objetivo da nova aplicação é oferecer aos clientes mais inovação no uso do smartphone no dia a dia, enriquecendo as formas de comunicação e tornando o equipamento ainda mais útil.

Algumas das funcionalidades do Call+ são "herdadas" do Message+, permitindo enviar informação antes de realizar a chamada, mas também durante a comunicação, com a possibilidade de enviar a localização, imagens e fazer streaming de video. Todo o "histórico" da comunicação fica guardado, menos o vídeo, para memória posterior.

A expectativa relativa à adesão à nova app é positiva, mas Luis Cardoso admite que há que considerar o efeito de rede. Para já um cliente com a app Call+ pode enviar alguma informação por SMS para um cliente que não tenha a aplicação, mas a verdadeira exploração do potencial só acontece entre dois clientes da Vodafone com a aplicação instalada.

A app está disponível gratuitamente na loja Google Play e na App Store da Apple. Para promover o uso, a operadora oferece o tráfego da partilha de vídeo nesta aplicação até ao final do ano.

O vídeo abaixo mostra algumas das potencialidades do Call+.


Veja a próxima aplicação


Atualização do Snapchat traz novos efeitos, trofeus e replays pagos

Há novidades no Snapchat, caso ainda não tenha reparado. A mais recente atualização da aplicação de partilha de mensagens de consumo imediato aposta em várias possibilidades, como os novos efeitos e os replays pagos.

 

Começando por aí, o Snapchat passou a vender replays das mensagens recebidas. Para isso os utilizadores têm de desembolsar cerca de um euro e ficam com direito e ver de novo três snaps, mas ainda assim só uma vez cada.

Entre as novidades está também a opção Lenses que traz novos efeitos para aplicar nas fotos ou vídeos, mas que não estará disponível para todos os equipamentos, pelo que podemos perceber.

Outra novidade é que a aplicação passou a atribuir troféus dependendo do tipo de snap que é enviado. Ao atingir determinado número de “objetivos” o utilizador substitui os cadeados por estrelas.

Há também novas formas de gerir as mensagens e mesmo de bloquear utilizadores – que agora já não obriga a aceitar esses mesmos contactos que se pretendem bloquear.


Veja a próxima aplicação

 

Se tem planos para trocar o smartphone Android por um iPhone esta app pode ajudá-lo

A Apple estreou-se nas aplicações para Android e tem um argumento forte que o justifica: quer facilitar a vida a quem pretende mudar para o seu sistema operativo.

 

As críticas à aplicação não deixam margem para dúvidas em relação à rivalidade entre fãs da Apple e adeptos da plataforma Android, mas deixam poucas certezas em relação à eficácia do software para realizar a tarefa a que se propõe: ajudar a migrar dados.

Mas goste-se ou não da “ousadia” da Apple, a ferramenta existe e pode ser usada por quem quiser trocar o sistema operativo promovido pela Google, pelo ecossistema da maçã. Pode ser usada para transferir contactos, histórico de mensagens, fotos, vídeos, contas de email ou calendários.

O processo é simples e suportado por uma ligação Wi-Fi segura criada pelo iPhone ou iPad, que se liga ao dispositivo Android onde estão os dados e os transfere para os locais certos no dispositivo de destino. A aplicação - Move to iOS - pode ser usada com qualquer dispositivo Android 4.0 ou de versões superiores.

 


Veja a próxima aplicação


Peace é o bloqueador de anúncios que está a fazer sucesso no iOS

A Apple abriu a porta da AppStore às aplicações que bloqueiam publicidade e outros conteúdos intrusivos. E a reação tem sido bastante positiva por parte dos utilizadores que estão a descarregar em massa estes serviços.

Parece que quem tinha um iPhone e um iPad estava “mortinho” por poder bloquear os anúncios que encontra nas páginas online. É que uma das aplicações que tem estado no topo das apps mais populares é justamente um destes bloqueadores recém-lançado na loja do iOS.

Chama-se Peace: Block Ads and Trackers, Powered by Ghostery. Aqui o nome Ghostery tem alguma influência já que é a mesma empresa que desenvolve um dos mais populares bloqueadores que existem para o sistema operativo Mac OS.

Além de anúncios, a Peace bloqueia também os trackers - pedaços de código que ajudam os serviços online a perceber como se movimentam as pessoas na Internet.

Publicações embutidas de redes sociais, estilos de letra externos e comentários são outras possibilidades de bloqueio que esta aplicação permite.

O preço é de quase três euros para quem quiser usufruir do serviço, mas existem vantagens associadas ao investimento: navegação mais rápida, mais fluída e ligeiramente mais privada na Internet.


Veja a próxima aplicação


Uma app para evitar distrações com o smartphone? Sim, é possível

As aplicações também podem servir a produtividade, evitando distrações desnecessárias. Hoje sugerimos-lhe a app que quer acabar com a perda de tempo noutras apps. Chama-se Freedom.

 

A aplicação está disponível para várias plataformas e tem uma versão básica grátis, embora depois quem quiser mais funcionalidades tenha de pagar.

Na aplicação pode escolher que sites quer bloquear, ou todos os sites e serviços Internet, nos vários dispositivos associados.

Basta fazer log in e escolher antre a lista dos maiores causadores de distrações, e um horário em que precise de estar concentrado.

A Freedom está disponível para equipamentos Android e iOS.

Terminam aqui as sugestões desta semana, mas amanhã há outra vez novidades.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.