Mesmo com o típico momento de inatividade habitual nas últimas semanas do ano, dezembro trouxe imensos jogos novos para smartphones, entre os quais aquele que foi, de certeza, o título mais aguardado do ano, Super Mario Run, que protagonizou a estreia da maior mascote da Nintendo num jogo mobile.

Trata-se de um jogo de corrida infinita em que Mario tem de ser conduzido ao longo de vários níveis, saltando de plataforma em plataforma de forma a apanhar todas as moedas e power-ups e evitar os vários inimigos.

Mas há outros grandes títulos entre os disponibilizados durante o passado mês. É o caso de Bully: Anniversary Edition, uma surpresa que ninguém estava à espera e que celebra o décimo aniversário do jogo, trazendo-o numa excelente conversão para smartphones. Nele, é preciso assumir o papel do traquinas Jimmy que terá que deambular pela escola, fazer amigos, pregar partidas, ir às aulas, arranjar namorada e aguentar com as reprimendas dos professores, tudo isto para ganhar popularidade.

As nossas propostas incluem ainda a sequela de Hill Climb Racing que traz novos e acidentados percursos para percorrer o mais rápido possível sem causar a morte ao condutor. O jogo inclui melhoramentos ao nível dos gráficos e animações, para além de um desafiante modo multiplayer.

Sugerimos ainda Dawn of Titans, de ação e estratégia, cujo objetivo é fazer prosperar o reino e conquistar outros reinos enfrentando-os em frenéticas batalhas tendo como aliados os poderosos Titãs que ajudarão a conseguir vencer os inimigos e crescer o reino e recursos. Por fim, há o pixelizado Retro Winter Sports 1986, que tenta recriar os jogos de desporto dos anos 80, fazendo-nos competir em diversos eventos de inverno com o objetivo de conseguir vencer a medalha de ouro.

Os títulos sugeridos são de diferentes géneros, abrangendo todos os tipos de jogador, do casual ao mais experiente. A diversão é garantida.

 

Super Mario Run

O popular canalizador chega finalmente aos jogos móveis

Dezembro de 2016 vai ficar na história como o mês em que Super Mario, a mais emblemática personagem da Nintendo, “deu o salto” para os jogos mobile. Durante anos, a Big N resistiu a colocar a sua mais popular mascote noutros equipamentos além das próprias consolas da empresa, mas os tempos mudam e as receitas geradas pelo mercado dos jogos para os chamados dispositivos móveis são demasiado tentadoras para resistir.

Super Mario Run já está disponível para iOS com a versão para Android e chegar em breve, embora ainda sem uma data oficial.

Trata.se do típico jogo de corrida infinita cujos controlos e jogabilidade são simples o suficiente para que se possa usar apenas uma mão. Mario corre automaticamente da esquerda para a direita, bastando apenas preocupar-se em fazê-lo saltar para evitar ou eliminar os inimigos e apanhar as moedas. Para saltar é apenas necessário tocar no ecrã, com toques mais prolongados a fazerem Mario saltar mais alto. Eliminar os inimigos é também bastante fácil, com os mais pequenos a serem mortos de forma automática sendo preciso saltar sobre os maiores para os destruir.

O jogo oferece 24 níveis, seis mundos compostos por quatro cenários, que podem ser concluídos em cerca de duas horas, algo rápido tendo em conta o preço do jogo quando comparado com outras opções do mesmo género. Claro que é possível aumentar a longevidade voltando a jogar os diferentes níveis de forma a apanhar as moedas coloridas, mas não deixa de ser tudo igual ao experimentado anteriormente, embora com maior dificuldade.

Como é normal nos jogos do canalizador existem power-ups espalhados pelo cenário, como o omnipresente cogumelo que torna Mario grande e a estrela que faz com que fique invulnerável. Uma novidade, e uma excelente forma de ter de recomeçar do zero, é quando Mario morre ele reaparece numa bolha flutuante no ponto onde morreu, sendo possível escolher o momento que pretender para tocar no ecrã para rebentar a bolha e fazer com que Mario recomece a corrida a partir desse ponto.

O jogo inclui um modo multiplayer assíncrono que permite competir contra outras pessoas e onde o objetivo é apanhar o maior número de moedas possível. Existe ainda um modo de construção onde é possível personalizar o reino através da compra de mais de 100 diferentes items. Para além de ser um jogo algo curto, o maior problema de Super Mario Run é obrigar a estar ligado à internet, uma limitação frustrante e dispendiosa caso não exista nenhuma ligação Wi-Fi disponível, pois é consumida uma quantidade razoável de dados.

Super Mario Run não deixa de ser um bom jogo, com todos os elementos do mundo do popular canalizador, muito bem criado para “ir” para o smartphone. O primeiro mundo, ou seja, os primeiros quatro níveis são gratuitos sendo necessário pagar €9,99 para desbloquear a totalidade dos níveis.

Link: iOS 

Siga para o próximo jogo

 

Hill Climb Racing 2

Voltar a subir e descer colinas ao volante de grandes bólides

Hill Climb Racing é um popular jogo para smartphones, tendo sido descarregado mais de 100 milhões de vezes. A Fingersoft lançou recentemente a sequela do seu maior êxito trazendo de volta Newton Bill que está preparado para as mais loucas conduções ao volante dos mais incríveis carros. O objetivo é percorrer os diferentes percursos de forma a conseguir chegar ao final de cada um deles evitando ficar sem gasolina ou capotar o carro nas muitas subidas e descidas que é preciso fazer.

O novo jogo da série está muito melhor que o seu antecessor, apresentando melhores gráficos, uma jogabilidade melhorada, controlos mais responsivos e um novo modo multiplayer que permite enfrentar até quatro pessoas a qualquer momento. Para além de conseguir chegar ao final de cada nível, é ainda preciso apanhar o combustível que se encontra espalhado ao longo do trajeto mas também as moedas, com as quais é possível realizar melhoramentos nos veículos ou mesmo mudar a sua aparência exterior. É também possível alterar o aspeto do personagem.

A jogabilidade é a mesma, existem dois botões virtuais que servem para acelerar ou travar e que deverão ser utilizados na medida certa para subir ou descer encostas, passar pontes e muitos outros obstáculos, permitindo realizar acrobacias com os veículos em pleno ar mas sempre com o cuidado de cair bem no chão, caso a cabeça do condutor toque o chão é game over.

Com as acrobacias ganha-se mais dinheiro que depois pode ser utilizado para apetrechar o bólide ou comprar um novo veículo. Existem diversos carros disponíveis, de diferentes tipos, mas que apenas poderão ser desbloqueados caso se consigam boas prestações nas corridas multiplayer, que permitirão ainda desbloquear novos cenários.

Hill Climb Racing 2 é muito semelhante ao seu antecessor, mas com diversos melhoramentos e funcionalidades que o tornam ainda mais divertido. Está disponível gratuitamente para Android e iOS.

Links: Android / iOS 

Siga para o próximo jogo

 

Dawn of Titans

Frenéticas batalhas num jogo de estratégia

Dawn of Titans é um jogo de ação e estratégia onde terá de assumir o papel, recentemente instituído, de um novo governante de um reino, que terá de fazer prosperar e manter a salvo dos inimigos. Será preciso enfrentar inúmeros exércitos em brutais batalhas tendo como aliados os gigantescos Titãs, guerreiros com a força de vários exércitos.

O principal enfoque está nas batalhas, sendo preciso escolher e mover os diversos grupos de soldados no campo de batalha. Existem diversos tipos de unidades, como arqueiros e cavalaria, e muita magia que é possível utilizar para dizimar as tropas inimigas. Adicionalmente existe power-ups para melhorar determinado aspeto de uma unidade de combate e assim tentar levar a melhor sob o inimigo. Por fim, é ainda possível utilizar as unidades especiais, os Titãs, que para além de ter muito mais força e aguentar uma maior quantidade de ataques inimigos, possuem habilidades especiais que irão ajudar na batalha.

Os controlos são bastante simples de utilizar, baseado em toques e no deslizar o dedo no ecrã do equipamento. Para selecionar uma determinada unidade basta tocar em cima dela e para atacar o inimigo é apenas preciso tocar em cima de uma unidade adversária. É ainda possível arrastar o dedo no ecrã para traçar as linhas que irão determinar o movimento pretendido realizar com as tropas, permitindo assim uma estratégia mais profunda. Ao vencer batalhas é possível capturar reinos inimigos, algo que custa bastante energia, mas que depois torna possível adicionar esses reinos ao do jogador e gerar ainda mais recursos para o reino.

O modo principal do jogo é o multiplayer, com o jogador a realizar alianças com outros jogadores para atacar outros reinos ou defender os próprios de ataques inimigos. No entanto, para quem goste, o título inclui um modo individual com muitas e diferentes missões, como realizar escoltas ou conseguir superar os inimigos para atingir determinado local. Destaque para a incrível qualidade gráfica e pelas animações, especialmente dos Titãs, sendo também relativamente fácil e simples de jogar para um título do género.

Dawn of Titans é gratuito para download e está disponível para Android e iOS.

Links: Android / iOS 

 

Siga para o próximo jogo

 

Retro Winter Sports 1986

Regresso ao passado num jogo que recriar os títulos de desporto dos anos 80

Este jogo presta homenagem ao antigos títulos de desporto que se jogavam no Spectrum ou o Amiga. Retro Winter Sports 1986 transporta o jogador para esse ano específico e coloca-o a participar em seis diferentes provas de desportos de inverno: Salto, Biatlo, Bobsleigh, patinagem de velocidade, Curling e Slalom.

Como não poderia deixar de ser, o jogo tem um aspeto muito pixelizado, de forma a estar de acordo com o grafismo existente nos jogos da década de 80.

Cada uma das diferentes provas tem uma distinta jogabilidade e formas de controlo, o que levará algum tempo até que o jogador consiga apanhar o jeito de cada um e, dessa forma, conseguir competir pelas medalhas. A maioria dos controlos é baseado em ritmo, conseguir obter o ritmo certo dos toques no ecrã irá levar o jogador à vitória. Por exemplo, no slalom é preciso deslizar um dedo de cada lado do ecrã em direções opostas para conduzir, enquanto no Curling deslizar o dedo serve para controlar a vassoura.

Após escolher a sua nação, das 12 existentes, o jogador poderá praticar para melhorar as suas habilidades nos diferentes eventos antes de competir contra a IA ou contra outros jogadores e dar o seu melhor para levar a medalha de ouro. O modo multiplayer permite jogar contra até outras sete pessoas, utilizando o mesmo equipamento.

Retro Winter Sports 1986 é um jogo interessante e divertido, e assim que se lhe tome o jeito torna-se fácil, perdendo um pouco o encanto e o desafio que apresenta de início. No entanto, é um título que permite aos jogadores atuais poderem experimentar algo semelhante àquilo que existia há 30 anos atrás. Está disponível por €1,99 para Android e iOS.

Links: Android / iOS 

 

Siga para o próximo jogo

 

Bully: Anniversary Edition

Assumir o papel de um miúdo traquinas nesta conversão do êxito da Rockstar

De forma totalmente inesperada a Rockstar Games resolveu celebrar o décimo aniversário de um dos seus mais populares jogos com o lançamento de uma versão de aniversário para equipamentos Android e iOS. Trata-se de Bully: Anniversary Edition, uma aventura na terceira pessoa cheia de ação onde há que controlar Jimmy Hopkins, um rapaz traquinas de 15 anos de idade cuja missão é encontrar o seu caminho por entre a hierarquia social da Bullworth Academy, uma escola preparatória corrupta e decadente. Pelo meio muitas coisas irão acontecer, como vencer os atletas no jogo do mata, pregar pequenas partidas, conquistar ou perder a rapariga, fazer frente aos rufias, sofrer reprimendas dos professores e conseguir sobreviver um ano na pior escola das redondezas.

Os controlos foram muito bem implementados nesta versão táctil do jogo, existindo à esquerda um joystick para mover Jimmy ao longo dos diversos cenários, enquanto na direita o comando pode ser utilizado para olhar ao redor. Deslizar o dedo no ecrã permite apanhar as armas, existindo ainda inúmeros ícones que aparecem de forma dinâmica dependendo da ação que seja preciso realizar.

O jogo começa com uma mãe não muito carinhosa e o seu novo marido deixando Jimmy na Bullworth Academy antes de viajarem em lua de mel. A partir daí, o jogo rapidamente apresenta o elenco principal de personagens, que inclui o diretor Dr. Crabblesnitch, e os dois comparsas do rebelde personagem, Gary e Petey. Como será de esperar, estando na escola será preciso realizar todas as tarefas inerentes, como ir às aulas e chegar a horas.

Existem diversas tarefas distintas em função da disciplina, tendo nas aulas de Química tocar em diversos botões de forma rítmica para realizar experiências, enquanto que em Inglês é preciso criar o maior número de diferentes palavras possível a partir de diferente letras. Existem vários edifícios escolares para explorar e inúmeras missões para completar.

A conversão de Bully para smartphones está muito bem conseguida, inclusive em termos gráficos. A área de jogo é bastante vasta com conteúdo para várias horas de jogo. Os controlos são simples e fáceis de utilizar, otimizados para ecrãs tácteis.

Bully: Anniversary Edition custa €6,99 e está disponível para Android e iOS.

Links: Android / iOS 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.