Os surdos passam a ter uma maior autonomia no pedido de ajuda de emergências através do serviço 112. Disponível numa primeira fase em dispositivos Android, e futuramente em iOS, os utilizadores portugueses poderão pedir ajuda através de mensagens SMS ou chamadas por videoconferência, avança a TSF.

Segundo o Secretário de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves, em declarações à rádio, é possível fazer o download da aplicação no website 112.pt. Entre a lista de funcionalidades da aplicação constam a predefinição e envio de mensagens personalizadas pelo cidadão surdo que faz a chamada; assim como a possibilidade de abrir um chat com o centro de emergência ou videoconferência, através da interpretação de língua gestual portuguesa.

O serviço permite ainda a geolocalização do chamador (enviando para o centro operacional a melhor localização disponibilizada pelo equipamento).

Foi ainda mencionado que os novos canais de comunicação com o serviço 112, de forma a prestar assistência às pessoas surdas, obrigaram os centros a adaptarem-se tecnologicamente, assim como um aumento de recursos humanos no processo de atendimento e despacho.

Segundo José Artur Neves, o novo serviço gratuito irá beneficiar 150 mil surdos, calculando que o 112 irá receber cerca de uma centena de chamadas por dia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.