Mais de quatro quintos dos inquiridos num estudo promovido pela Regus usam o Skype para comunicações de VoIP, 60,4% tiram partido do WhatsApp para enviar e receber mensagens instantâneas e 58% recorrem ao Facebook Messenger, num universo em que 86% dos inquiridos confirma ter usado pelo menos uma ferramenta para trabalhar à distância durante o último mês.

Em Portugal como nos outros países analisados, os números mostram que a generalidade dos utilizadores tira partido destas aplicações pelo menos uma vez por semana.

Mostram no entanto que a utilização destas ferramentas é mais intensa em Portugal que na média dos restantes países envolvidos no estudo. Por exemplo, enquanto por cá 80% dos que responderam usam o Skype, fora do país essa preferência foi demonstrada por 60% dos internautas que responderam.

Entre as ferramentas mais usadas para facilitar o trabalho flexível, o Dropbox foi a opção globalmente mais referida. Em Portugal é a primeira opção para 75,4% dos inquiridos. Globalmente foi destacado por 56%. O Google Drive, o WeTransfer e o TeamViewer surgem nas posições seguintes.

O estudo da Regus reúne respostas de mais de 44 mil profissionais em mais de 100 países.

 

 

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.