A Apple foi ao "baú" das inovações e decidiu incorporar um leitor de impressões digitais no botão físico frontal do iPhone 5s. Esta é de todas a maior das novidades do novo smartphone da Apple que apresenta também um processador renovado e outras alterações mínimas relativamente ao modelo anterior.

O leitor de impressões digitais vai permitir ao utilizador aumentar os níveis de segurança do dispositivo já que a password vai andar sempre com ele - o dedo. Comprar uma música no iTunes pode ser validade com as impressões digitais do utilizador.

A funcionalidade de reconhecimento tem o nome de Touch ID. À volta do botão Home existe um sensor de aço, a leitura faz-se em 360 graus e consegue atingir camadas subcutâneas. O leitor vai ter a capacidade de reconhecer várias impressões digitais - para ser usado por familiares ou por dedos diferentes do mesmo utilizador. Mas o segredo está num sensor protegido por um vidro de safira que "basicamente" tira fotografias em alta definição aos dedos das pessoas.

O poder de fogo do iPhone 5s fica ao encargo do processador A7 que promete uma performance duas vezes superior, em processamento e grafismo ao modelo A6, e o suporte a uma arquitetura em 64 bits. Como já é apanágio da marca da maçã, não foram nomeados o número de núcleos e a velocidade de relógio dos mesmos.

Um novo componente que faz parte do novo iPhone é o M7, um elemento que monitoriza constantemente o movimento físico dos utilizadores, informações que podem ser valiosas para o segmento das aplicações de desporto e relacionadas com a saúde.

O aspeto do iPhone continua inalterado na sua maioria. Além do botão Home reconfigurado, o flash que acompanha o sensor fotográfico iSight de oito megapíxeis evoluiu para incluir dois LED - um com luz mais fria e branca, outro com uma luz mais quente. O sensor de imagem também tem uma área 15% maior que permite captar fotografias com melhores resultados.

A câmara iSight agora também tem capacidade para captar fotografias panorâmicas até 28 megapíxeis.

A conetividade LTE, estreada no iPhone 5, está garantida no novo modelo que vai estar disponível em três cores: prateado, dourado e "cinzento espacial".

A câmara fotográfica também recebeu melhorias no novo modelo do smartphone, permitindo captar agora vídeos em Full HD a 60 frames por segundo (fps), enquanto em gravação com qualidade HD a velocidade pode chegar aos 120fps - um modo de vídeo para tirar partido de gravações em câmara lenta em alta qualidade.

Ainda sem preços confirmados para Portugal, é de esperar que a versão de 16GB custe 679,90 euros, a de 32GB fique por 789,90 euros e a de 64GB venha a custar 889,90 euros - isto nos equipamentos livres de operadoras. Nos EUA a versão de 16GB custa 199 dólares, 32GB por 299 dólares e 64GB por 399 dólares, em dois anos de contrato.

Nos EUA as pré-vendas do equipamento começam na próxima sexta-feira, dia 13 de setembro. A Portugal o iPhone 5s deve chegar a 27 de setembro. Os primeiros mercados recebem o telemóvel no dia 20 de setembro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.