Depois de revelar que iria realizar no final do mês de maio um evento para apresentar vários dos seus novos produtos, a Xiaomi confirmou que a 31 de maio será conhecido o seu novo flagship.

Contudo as certezas ficam-se por aqui, uma vez que a tecnológica mantém no segredo “dos deuses” se o dispositivo que vão apresentar em Shenzhen será o Xiaomi Mi 7, o Mi 8 ou ambos.

Isto porque, se os rumores iniciais apontavam para um Xiaomi Mi 7, também está em cima da mesa a hipótese da empresa chinesa lançar o MI 8 em comemoração dos seus oito anos de existência. Esta ideia tem vindo a ser reforçada com o surgimento de várias fotografias na internet, como aquela que nos mostra uma caixa escura com um grande 8 impresso.

Os leaks e rumores em relação às características do dispositivo também têm sido recorrentes, como mostra uma suposta fotografia do painel frontal do Xiaomi Mi 8 que revela um ecrã ponta-a-ponta com um notch idêntico ao iPhone X.

Outra imagem também levanta a possibilidade do dispositivo estar configurado para oferecer um recurso de reconhecimento facial em 3D semelhante ao do último iPhone.

Um processador topo de gama Qualcomm Snapdragon 845, um sensor de impressão digital no ecrã, uma câmara dupla de 16MP e uma bateria de 4000mAh com Quick Charge são outras das especificações que se esperam no novo equipamento.

De acordo com um leak mais recente, o dispositivo poderá ter duas versões com preços diferentes - uma versão com 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento por cerca 370 euros e uma versão topo de gama com 8 GB de RAM e 128 GB de armazenamento por cerca de 420 euros.

Outro dos equipamentos que também poderá ser apresentado no próximo dia 31 é a smartband Xiaomi Mi Band 3, alegamente usada pelo CEO da tecnológica, Lei Jun, durante o lançamento do smartphone gaming Black Shark.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.