A Microsoft pode estar prestes a colocar um ponto final nas vendas dos equipamentos Lumia, uma gama herdada da Nokia após a aquisição do seu negócio móvel em 2014.

De acordo com as informações avançadas por uma fonte não identificada do portal Winbeta, a tecnológica norte-americana deverá descontinuar esta linha já no próximo mês de dezembro e dar início a uma nova era neste segmento com os primeiros Surface Phones.

Recorde-se que os Lumia, nem sob a alçada da Nokia, nem sob a alçada da Microsoft, conseguiram alcançar uma posição de destaque no universo dos telemóveis. Segundo um dos últimos relatórios da IDC para o mercado dos smartphones, a quota dos Windows Phone no fim deste ano iria rondar os 0,5%. Em 2020, a percentagem deveria chegar aos 0,1%, um valor que, como já mostrou a Quarter, não tem sido suficiente para dar lucro à empresa.

Apesar de ainda não haver qualquer confirmação oficial, o desinvestimento que a Microsoft tem feito nos seus departamentos móveis já fazia adivinhar uma reestruturação nos mesmos. Só no passado mês de maio, a tecnológica vendeu à Foxconn parte do departamento comprado à Nokia e despediu quase 2.000 trabalhadores.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.