O segmento do gaming está em altas no mercado dos smartphones. Por esta altura são já várias as marcas com equipamentos especificamente desenvolvidos a pensar nos videojogos. A Razer, a Asus e a Xiaomi são apenas alguns nomes que constam numa lista que conta agora também com a presença da Moqi, uma sub-marca da Snail Digital, que integrou num telemóvel todos os botões que um jogador pode pedir. O resultado é um gadget muito semelhante à portátil PlayStation Vita.

Ao todo, contam-se dois joysticks analógicos, quatro botões direcionais, quatro botões de ação principais e dois gatilhos (um à esquerda e outro à direita).

Para suportar a exigência dos maiores títulos do mercado, o smartphone conta com um processador Qualcomm Snapdragon 710, 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno. O ecrã HD tem 6 polegadas e é protegido por uma camada de vidro Gorilla Glass 3. Para não afetar as sessões de jogo mais prolongadas, o telefone tem ainda uma bateria amovível de 6.000 mAh. Para impedir o sobreaquecimento de todos estes componentes, há ainda um sistema de condução de calor, que assegura o arrefecimento do sistema.

A câmara traseira é de 16 MP e a frontal de 5 MP.

O Moqi tem ainda uma entrada para auriculares, uma ranhura para cartões microSD e suporte para carregamentos rápidos, graças à tecnologia Quick Charge 3.0. Este modelo é ainda compatível com dois cartões SIM.

A empresa responsável pelo Moqi está a angariar financiamento comunitário no Indiegogo. Se atingir a meta estabelecida, o telefone deverá chegar ao mercado por 399 dólares para os primeiros 50 consumidores a assegurar uma unidade. Depois disso será lançado mais um lote por 449 dólares, sendo que o preço de venda em retalho vai atingir os 699 dólares.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.