Quando a Samsung anunciou o Galaxy S IV, disse que existiam dois modelos que tinham como principais diferenças o tipo de processador equipado e o suporte ou não a redes 4G. Entre um Snapdragon 600 com quatro núcleos a 1,9Ghz e suporte ao LTE ou um Exynos 5 de oito núcleos a 1,6Ghz, a empresa sul-coreana não detalhou ao início qual a versão do equipamento que os países vão receber.

Depois de ter surgido uma lista publicada pelo SamMobile que dava conta de que Portugal ia receber o Galaxy S IV com processador quad-core, o TeK questionou a Samsung Portugal que confirmou esta informação. A escolha está relacionada com as ligações de Internet móvel de última geração: “está planeado que o Samsung GALAXY S 4 esteja equipado com AP Quad-core de 1.9GHz, que integra a maioria dos equipamentos com ligação à rede 4G (LTE)”.

A filial portuguesa desvalorizou no entanto a diferença que possa haver entre os dois modelos do Galaxy S IV ao afirmar que “ambos os processadores oferecem o mesmo nível de desempenho aos utilizadores, uma vez que os oito núcleos do AP Octa-core não funcionam em simultâneo”.

O TeK questionou ainda a Samsung para o facto de países como o Afeganistão, Bangladesh e o Nepal receberem a versão de oito núcleos enquanto a maior parte dos países europeus vão receber a versão com processador de quatro núcleos, mas a única referência que foi feita pela empresa a este assunto diz que os lançamentos dependem das necessidades de cada mercado.

Ainda não é certo se alguns meses depois do lançamento Portugal vai ou não receber a versão com CPU de oito núcleos, um pouco à imagem do Galaxy S III 4G que só alguns meses mais tarde ficou disponível no mercado nacional.

Por conhecer está a data oficial do lançamento no mercado português – mas que deve estar em linha com o lançamento internacional a 26 de abril – e o preço de comercialização.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.