Para já ainda é um conceito, ou melhor, uma patente registada pela Samsung para um smartphone com aquilo que está a ser apelidado de ecrã “surround”. Diferente do conceito dos dobráveis, este equipamento apresenta um ecrã em toda a sua superfície, sejam a parte frontal como traseira, mantendo a ligação com as laterais.

A Let’s Go Digital é famosa por encontrar patentes, com esboços rudimentares de equipamentos, e transformá-los em modelos 3D com grande credibilidade, ajudando a entender a tecnologia que foi registada. Neste caso, o projeto da Samsung não tem qualquer designação, apenas “dispositivo eletrónico”, registado pela Samsung no final de outubro e lembra um outro equipamento semelhante da Xiaomi, o Mi Mix Alpha.

Mas este modelo da Samsung, a materializar-se, é bem mais complexo do que se esperaria. Isto porque apesar de ter o ecrã envolvente em toda a superfície do smartphone, este é basicamente composto por dois módulos que deslizam, revelando a câmara fotográfica. Veja no vídeo criado pela Let’s Go Digital em 3D para ter melhor perceção da ideia.

Todos os “cantinhos” do equipamento são aproveitados, seja para notificações ou o estado do tempo. Mas é realçado que o ecrã tem uma proteção transparente, aparentemente construída em acrílico ou polímero, o que permite no seu interior que o display mude de cor que o utilizador quiser ou alterando-se em concordância com o ambiente. As laterais do ecrã podem ser utilizadas para atalhos e botões digitais de funcionamento.

Para além das câmaras, as imagens ilustram que o painel deslizante alberga o botão de energia e eventualmente terá um sensor biométrico para impressões digitais debaixo do ecrã. Outro elemento que chama a atenção é a ausência de ranhura para cartão, por isso, tudo indica que o smartphone utilize eSIM. E aparentemente, os utilizadores vão poder alternar as aplicações entre os ecrãs dependendo do que estiverem a fazer.

É referido na documentação que uma câmara colocada debaixo do ecrã não é para fotografia, mas para ajudar o smartphone a orientar o seu conteúdo corretamente, através da deteção da posição do alinhamento do equipamento.

Como sempre, as patentes não significam a materialização do produto, mas as ideias podem ser utilizadas em diferentes equipamentos ou em protótipos não comerciais.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.