Um ano depois de ter deixado todos a especular sobre a sua próxima consola, a Microsoft revelou, finalmente, aquela que, durante 12 meses, deu pelo nome de Project Scorpio. Ao mercado, a nova e poderosa Xbox chega com um nome justificado na teoria de que "não existe poder maior do que X". O grande atrativo desta proposta é a reprodução de jogos em 4K nativo, como já se sabia, mas a tecnológica norte-americana revelou mais algumas novidades acerca da nova jóia da coroa na apresentação que decorreu este domingo na E3, em Los Angeles.

Uma das primeiras notícias não foi propriamente uma surpresa. Todos os jogos e acessórios da Xbox One vão funcionar na nova One X. E todos os títulos da 360 que fazem parte do programa de compatibilidade com esta nova geração também. A diferença, no entanto, é que, nas palavras da empresa, todos eles terão melhor aspecto quando rodados neste novo sistema.

Outros dos pontos sublinhados é que esta não será uma consola apenas para quem tem um monitor 4K à sua disposição. Como a Microsoft revelou, a X utiliza uma tecnologia chamada "super sampling" que se encarrega de adaptar a imagem de um título às capacidades de um ecrã 1080p. Facto é que qualquer jogo será sempre mais impressionante numa resolução superior, mas com esta medida a Microsoft quer alargar a sua base de potenciais compradores e dissipar uma das maiores críticas que lhe foi endereçada desde início.

Para corresponder a todas as exigências gráficas desta nova e iminente geração de jogos, a Xbox One X integra 6 teraflops de poder gráfico, 1TB de armazenamento interno, um mecanismo de arrefecimento líquido e um leitor UHD 4K Blu-Ray e um GPU personalizado que roda a 1.172MHz.

O conjunto de especificações é o mais poderoso do mercado, e como a Microsoft anunciou anteriormente, não só deverá ser suficiente para rodar os novos jogos em 4K, como também deverá servir para potenciar as melhorias gráficas que estão prometidas para os títulos 900p e 1080p já lançados no mercado.

Apesar do poder, esta consola destaca-se também por ser a mais pequena Xbox de sempre. Os rumores acerca do design ainda faziam prever algumas surpresas no campo estético, mas a Microsoft optou seguir as linha minimalista e quadradas que adoptou nas anteriores versões. A cor, no entanto, pende agora para o cinzento, depois de uma consola branca e de uma preta.

Um dos primeiros títulos a chegar para esta nova Xbox One X foi também anunciado este domingo, dia 11 de junho, e trata-se de Forza Motorsport 7. A Microsoft revelou alguns minutos de gameplay e indicou que o jogo vai rodar em 4K nativo a 60 frames por segundo.

Se está interessado em comprar este novo sistema vai ter de esperar pelo próximo dia 7 de novembro, data em que a consola se estreará no mercado. O preço de venda ao público nos Estados Unidos vai rondar os 499 dólares.

Nota de redação: Esta peça será atualizada com o preço para o mercado português assim que nos for remetida uma resposta por parte da Microsoft Portugal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.