O robô de exploração Opportunity está parado há quase um mês. Não sai do mesmo sítio e só roda sobre si mesmo. E eis que do nada, sem explicação para já, surge uma pedra à sua frente que nunca lá esteve. A discussão já está a tomar a Internet de assalto.

É uma pedra de pequenas dimensões com vários tons, mas que não passa desapercebida ao "olhar" do Opportunity. A comparação entre as imagens também não deixa margem para dúvidas: no dia 3.536 não havia pedra, no dia 3.537 já havia:

A teoria mais apoiada é a de que a pedra é resultado de algum choque de algum meteoro com o planeta. Mas de acordo com a análise de um investigador russo, à distância claro, a dita pedra tem poeira correspondente ao solo marciano na parte de baixo e não na de cima, o que parece colocar em cheque a ideia de fragmento de meteoro.

O estranho caso da pedra marciana acontece numa altura em que se está a comemorar o décimo aniversário desde que a sonda Mars Express tirou as primeiras fotografias a cores do planeta vermelho e começou a produzir imagens em 3D.

A Agência Espacial Europeia (ESA) revelou um vídeo sobre as "águas de Marte" - não sobre a existência de líquido, mas imagens com a paisagem acidentada e muito provavelmente provocada pela antiga existência do elemento.

É caso para dizer que ao fim de todos estes anos, Marte continua e vai continuar a ter muitos segredos por desvendar. Qual a opinião dos leitores do TeK sobre as imagens?


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.