Março foi mais um mês de impressionantes paisagens espaciais. Ao longo de 31 dias, registaram-se imponentes imagens do cosmos, onde os mais diversos fenómenos se foram dando, quase como posando para os telescópios e objetivas que lhes foram apontados.

No dia 2 de março, por exemplo, a NASA captou, com a ajuda do Hubble, uma nebulosa planetária conhecida como "borboleta", cuja envergadura de asas mede três anos luz.

Na perspetiva terrestre também se registaram imagens. No dia 10 de março, de pés assentes no chão, Michael Connelley, da Universidade do Havai, fotografou o nascer da lua enquadrado na sombra de um grande vulcão insular. O sol pôs-se por detrás do fotógrafo, projetando um perfil escuro no horizonte que parece impedir a ascensão do satélite natural.

Para além das paisagens fixas que constam da galeria abaixo, houve também espaço para destacar vídeos, como foi o caso da abordagem do Hayabusa2, da agência espacial japonesa, ao asteróide Ryugu.

Veja ainda alguns dos vídeos que foram destacados nestes dias

Seeing Equinoxes and Solstices from Space

Créditos: NASA, Meteosat, Robert Simmon

Zooming in on Star Cluster Terzan 5

Créditos: Nick Risinger (skysurvey.org)/DSS/Hubble/NASA

Touchdown on Asteroid Ryugu

Créditos: JAXA

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.