Os skates elétricos são cada vez mais populares e uma alternativa de mobilidade urbana muito utilizada, sobretudo nos Estados Unidos, por serem transportáveis para todo o lado quando não está a ser usado. A startup californiana Inboard Technology inspirou-se no seu skate M1 para conceber uma trotinete elétrica com motores localizados nas próprias rodas, somando um total de potência de 750W, o que permite atingir 32 km/h, e estar assim preparada para enfrentar certas inclinações. A empresa preocupou-se também em introduzir um sistema de travagem regenerativa.

Apelidada de Glider, a trotineta possibilita a troca fácil das suas baterias, cada uma com uma autonomia de cerca de 20 quilómetros. Caso necessite de fazer viagens mais longas, sem a possibilidade de carregar, pode sempre adquirir o número de baterias adicionais que desejar. A trotineta dobra-se, para melhor acondicionamento fora da utilização e quando circula tem iluminação LED à frente e atrás. Além disso, a empresa promete atualizações de firmware no seu sistema.

A empresa irá disponibilizar a Glider a partir de fevereiro de 2019, com um preço a rondar os 1.300 dólares. Para além da venda direta aos utilizadores, a Inboard vai fornecer frotas de trotinetas para negócios empresariais, universidades e até nas cidades que desejem esta alternativa de mobilidade, num negócio semelhante às scooters das startups Lime e Bird.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.