A proposta futurista da Hyperloop está, aos poucos, a ganhar forma. Esta quarta-feira, a empresa organizou um evento em Las Vegas onde completou com sucesso o seu primeiro teste ao sistema de transportes que está a desenvolver. 

Nesta demonstração pública, o protótipo atingiu uma velocidade de 185 Km/h em apenas dois segundos. Uma marca assinalável mas bem longe dos mais de 1000 Km/h que a Hyperloop pretende atingir. Apesar de o fosso que separa a atual velocidade do protótipo daquela que se pretende atingir, há que sublinhar que este teste foi conduzido com o recurso a carris, um elemento que não fará parte da versão final do transporte.

O conceito idealizado por Elon Musk prevê que as "carruagens"  sejam colocadas em túneis de vácuo, apoiadas num sistema de levitação magnético. O tamanho do comboio, neste primeiro teste, também está longe das dimensões normais. 

Nesta apresentação, Brogan BamBrogan, o diretor chefe de tecnologia da Hyperloop, descansou os presentes quanto aos perigos deste sistema de transporte. Com os ajustes certos, viajar a esta velocidade será seguro graças à tecnologia de monitorização que está a ser desenvolvida, disse o CTO.  

Este foi o primeiro de uma série de testes que acontecerão durante este ano. Em 2020, o sistema deverá ganhar a sua primeira linha na Europa, mais propriamente, na Eslováquia. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.