A Lenovo apresentou hoje dois novos tablets, mostrando na prática aquilo que já tinha dado a entender quando falou de estratégia: o empenho no novo segmento. Recorde-se que a fabricante passa com este lançamento a contar com três dispositivos neste mercado, onde se tinha estreado em Março, com o LePad.

Os novos equipamentos, embora semelhantes à primeira vista, com ambos a contarem, por exemplo, ecrãs de 10,1 polegadas e uma resolução de 1.280x800, apresentam diferenças radicais no que respeita ao software: um deles corre Windows e o outro Android.

Enquanto o IdeaPad K1 continua a aposta no sistema operativo móvel de código aberto promovido pela Google, neste caso já na sua versão optimizada para tablets, Honeycomb ou Android 3.1, o IdeaPad P1 é suportado no Windows 7.

De acordo com a informação avançada por um repórter da C|Net convidado a experimentar o equipamento, quem optar pelo dispositivo com Windows vai poder escolher entre a versão do sistema operativo dedicada ao consumo e a destinada ao mercado empresarial.

[caption]IdeaPad P1[/caption]

O equipamento estará ainda disponível em versões com 32 GB ou 64 GB de memória, já a memória RAM pode ir até 2GB. O processador Intel é de 1,5GHz e a placa gráfica integrada da mesma marca.

Para navegar no ecrã multitouch, os utilizadores vão poder usar o dedo ou um estilete, num dispositivo cuja bateria tem autonomia para até 6 horas de utilização.

[caption]IdeaPad P1[/caption]

Entre as restantes características contam-se ainda a câmara com capacidade para videochamada e as habituais conectividade USB 2.0, Wi-Fi e Bluetooth, entrada para cartões microSD, mas também para cartões SIM - caso se deseje recorrer à ligação 3G.

O IdeaPad K1, por sua vez, além de constituir uma actualização da fabricante da sua presença no mercado dos tablets Android ) onde até à data contava com um dispositivo cujo sistema operativo não era ainda o especificamente adaptado para estas plataformas), chega acompanhado de outra novidade.

[caption]IdeaPad K1[/caption]

Uma loja de aplicações para Android criada pela fabricante chinesa, com a qual se pretende fornecer aos utilizadores um local mais seguro para o download das soluções, disse ao Engadget um representante da empresa, a propósito da apresentação da Lenovo App Shop.

Ainda sobre o novo Honeycomb da Lenovo, sabe-se que conta com um processador Tegra T20 de 1 GHz, até 64 GB de memória SSD e 1GB de memória RAM. A bateria tem autonomia para 10 horas.

[caption]IdeaPad K1[/caption]

Conectividade Wi-Fi, Bluetooth, micoSD e HDMI, bem como duas câmaras (uma de 2 megapixéis e outra de 5 megapixéis), são outras das características do modelo.

[caption]IdeaPad K1[/caption]

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.