2017 foi mais um grande ano para os entusiastas do espaço e as galerias mensais que o TEK tem vindo a reunir são a prova disso mesmo. E dezembro, por sua vez, também não desiludiu.

No décimo segundo mês do ano, tanto as agências espaciais, como os curiosos a título independente deram-nos o prazer de vislumbrar nébulas, galáxias distantes, silhuetas cósmicas e tarefas quotidianas que não são assim tão mundanas para os astronautas em serviço, como demonstrou, em vídeo, a norte-americana Karen Nyberg.

Outro dos registos exibe um cenário impressionante, protagonizado por Bruce McCandless II em 1984, numa altura em que o astronauta aumentou o recorde de distância para a base, flutuando a cerca de 100 metros do vaivém espacial Challenger. A fotografia foi publicada no passado dia 31 de dezembro, nove dias depois do falecimento de McCandless II.

Em 2018, continue a contar com estes e outros fenómenos impossíveis de avistar na Terra.

3 de dezembro de 2017

Créditos: Mark Gee

4 de dezembro de 2017

Créditos: NASA, JPL, Galileo Project

11 de dezembro de 2017

Créditos: NASA, JHUAPL, CIW

14 de dezembro de 2017

Créditos: NASA, JPL-Caltech, SwRI, MSSS, Gerald Eichstadt

20 de dezembro de 2017

Créditos: NASA, Expedition 36 Crew

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.