A sonda da NASA está equipada com um telescópio que recolheu imagens durante cinco dias - entre 19 de julho e 24 de julho -, quase exatamente um ano antes do "face a face" com o planeta anão, previsto para 24 de julho.

A agência especial norte-americana pegou nas 12 imagens recolhidas e fez um pequeno vídeo que publica a partir do site space.com. A sequência de imagens mostra Plutão com a sua maior lua em redor.

A recolha representa um recorde em termos de distância face ao planeta anão, já que as imagens foram tiradas 10 vezes mais próximo de Plutão do que a Terra.

Nada de muito especial, asseguram os cientistas da NASA, já que a partir de janeiro o recorde será quebrado consecutivamente, prometem, à medida que o veículo estiver cada vez mais perto do "encontro final".

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.