Durante a época natalícia, são vários centros e estabelecimentos comerciais que recebem uma já habitual visita do Pai Natal e respetiva comitiva de duendes para animar os mais novos. No entanto, a pandemia de COVID-19 obrigou a repensar a prática que, para muitos, já se tornou numa tradição.

Mesmo perante a realidade da crise de saúde pública, o espírito da quadra mantém-se. O Pai Natal já aderiu às mais recentes tendências tecnológicas e, entre os dias 7 de novembro e 24 de dezembro, os centros comerciais Alegro vão ter “cabines mágicas” onde os mais novos poderão falar com ele por videochamada. Mas não é tudo: caso prefiram, as crianças podem também participar sem saírem de casa.

Ao SAPO TEK, Filomena Conceição, Diretora de Marketing da Ceetrus Portugal, explicou que a ideia surgiu muito em linha com uma série de serviços lançados recentemente e que têm como objetivo fazer uma adaptação ao contexto em que vivemos, além de “tentarem tornar este Natal o mais confortável possível”.

Num ano tão atípico e em que todos se questionam como é que podem trazer um pouco de normalidade à época festiva, a empresa quer “manter a magia do Natal na vida das pessoas”, assim como continuar a ter uma das características mais marcantes da quadra e que as crianças procuram todos os anos. Através de um brainstorming com as equipas que gerem os centros comerciais Alegro surgiu a ideia de criar um Pai Natal “virtual”.

Para a marca, uma das questões que se reveste de grande importância é a aproximação ao público-alvo da iniciativa, apostando um tom mais próximo e “muito espirituoso” nas palavras da responsável, e na personalização de toda a experiência.

“A forma como abordamos o storytelling vai ao encontro disso (…) a personalização na relação com a criança é muito importante para tornar a história credível”, indicou Filomena Conceição, acrescentando que assim que o Pai Natal começar uma videochamada tem já de saber se a criança tem, por exemplo, arrumado os brinquedos no quarto ou que prendas é que gostaria de ter no “sapatinho”. “Estes são os pormenores que vão tornar a história mais impactante e nós tentamos fazer com que sejam um toque mesmo especial”.

Para poder falar com o Pai Natal, seja nos centros comerciais Alegro ou em casa, é necessário um agendamento prévio que pode ser feito através do website da iniciativa ou, então, nas próprias “cabines mágicas” instaladas os estabelecimentos. No ato da inscrição, os pais terão de preencher um formulário com todas as informações relevantes para personalizar a experiência.

Formulário Cabine Mágica | Centro Comercial Alegro

Depois, no dia previamente marcado, pais e crianças poderão deslocar-se à “cabine mágica” do centro comercial que escolheram. No caso de terem agendado uma conversa em casa, os pais receberão por email um endereço a partir do qual poderão ligar para o Pai Natal.

Além de ajudar a trazer a alegria às crianças de um modo mais digital, a iniciativa tem também uma componente solidária. Ao atingirem um patamar de chamadas efetuadas, os centros comerciais Alegro vão oferecer cabazes de Natal a instituições de apoio social locais.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.