Pediam 100 mil dólares no Indiegogo, mas as potencialidades do projeto acabaram por valer 1,6 milhões de dólares: 16 vezes mais do que tinham requisitado. Isto porque o Scanadu Scout é um pequeno periférico que dá ao utilizador um vasto conjunto de informações relacionadas com a saúde.

Batimentos cardíacos, temperatura corporal, níveis de oxigénio no sangue, frequência respiratória, pressão arterial, resistência muscular do coração e stress emocional são os parâmetros que o gadget dá ao utilizador.

Para isso basta que a pessoa “aponte” o equipamento ao lado do olho, um dos locais privilegiados para a medição de informações biológicas, durante dez segundos.

O Scanadu Scout ainda não foi aprovado pela Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA (FDA na sigla em inglês), mas todo o projeto está a ser desenvolvido nesse sentido.

Uma das vantagens deste equipamento é que todos os dados são registados no smartphone através de uma aplicação “companheira”, o que permite ao paciente mostrar a evolução de alguns sinais biológicos ao seu médico.

A imprensa internacional compara o Scanadu Scout ao Tricorder, um acessório que era usado na saga de ficção científica Star Trek - era um aparelho que dava várias informações sobre a pessoa analisada e o respetivo estado de saúde.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.