Depois da Eve Tech ter avançado com a concretização de um portátil pensado pelos consumidores, a ZTE decidiu fazer transitar a ideia para o segmento dos smartphones com um novo equipamento que chega agora ao Kickstarter.

O Hawkeye, também conhecido como Project CSX, é fruto das sugestões de um grupo restrito de utilizadores selecionados pela tecnológica chinesa que opinaram relativamente ao design do aparelho.

As especificações técnicas, anunciadas hoje, colocam o smartphone num segmento de gama média. De acordo com a empresa, o Hawkeye vai integrar duas câmaras traseiras, de 12 e 13 megapíxeis, uma câmara frontal de 8MP, um ecrã 1080p de 5,5 polegadas, um processador Qualcomm Snapdragon 625, 3GB de RAM, 32GB de armazenamento interno expansível via cartão microSD, bateria de 3.000mAh, sensor de impressões digitais, entrada USB-C com tecnologia Quick Charge 2.0 e sistema operativo Android Nougat.

As funcionalidades mais chamativas, no entanto, distinguem-se deste lote de características. Dada a requisição dos consumidores em ter um smartphone que pudesse ser utilizado "sem mãos", a ZTE decidiu integrar uma capa adesiva na caixa do equipamento e possibilitar, assim, que os seus utilizadores o colem a qualquer superfície ao mesmo tempo que, diretamente no smartphone, integrou uma tecnologia de deteção e monitorização do movimento dos olhos.

O funcionamento deste último sistema ainda permanece uma incógnita uma vez que a empresa não avançou grandes detalhes acerca da sua aplicação real, mas o vídeo publicado no Kickstarter dá umas primeiras impressões.

O produto já está na plataforma de angariação de fundos desde o passado dia 4 de janeiro, à espera de financiamento comunitário, mas o público não parece convencido pelo equipamento. Com uma meta de 500.000 dólares para cumprir num prazo de 30 dias, o Hawkeye tinha apenas, à hora do fecho deste artigo, 32.065 dólares angariados.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.