Os dados, apurados pela eMarketer, contabilizam o número de pessoas que ao longo do ano vão utilizar um tablet PC pelo menos uma vez por mês. No total serão cerca de mil milhões.


Em 2016, espera-se que o número aumente para 1,06 mil milhões e em 2018 para 1,43 mil milhões, traduzindo um ritmo de crescimento mais lento que o verificado até aqui. Enquanto em 2014 a utilização destes dispositivos cresceu 29%, este ano avançará 17%, em 2016 13,3% e em 2018 apenas 7,9%, a confirmarem-se as previsões.


Isto explica-se, segundo a empresa de estudos de mercado, pelo facto de a utilização de tablets ter explodido nos países desenvolvidos, mas não ser expectável que avance ao mesmo ritmo nos países em vias de desenvolvimento. Ainda assim, acredita-se que a China seja o país com maior número de pessoas a utilizarem tablets já este ano: 328 milhões terão acesso a um gadget deste tipo pelo menos uma vez por mês. Nestas contas, os Estados Unidos surgem apenas na segunda posição, com 156 milhões de utilizadores.


A explicar o abrandamento está também o facto de os tablets serem muitas vezes usadas num contexto familiar, sendo partilhados por vários membros da família e a crescente concorrência dos smartphones de grandes dimensões, igualmente conhecidos por phablets.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.