Ao longo da semana o TeK assinala os 20 anos do Linux dando destaque a um conjunto de projetos que, nas mais diversas áreas, mostram que o software livre está na base de serviços que usamos todos os dias, aplicações que não dispensamos ou produtos que se afirmaram como verdadeiros sucessos comerciais. Ainda que a opção tecnológica nem sempre seja óbvia para quem vê, ou mesmo para quem a faz.


Partimos de um exemplo discreto mas que representou, para a entidade que o acolheu, uma mudança importante na capacidade interagir com os seus interlocutores e de gerir conteúdos.
Na base do site do Alto Comissariado da Saúde - um organismo que define e monitoriza políticas estratégicas na área da saúde - está um conjunto de tecnologias open source, que chegaram à plataforma quando esta foi reestruturada para garantir um nível de acessibilidade AA dos conteúdos Web, conforme obriga a legislação para todos os sites públicos.


No mesmo projeto o ACS alterou o layout do site, implementou um gestor de conteúdos e adotou novas funcionalidades que passaram a permitir maior interação com o seu público-alvo, como o envio de newsletters, disponibilização de uma agenda de eventos, suporte multilingue ou gestão multisite.


Embora o Wordpress não seja a única ferramenta de código aberto usada no projeto é a que nos merece destaque. A plataforma de código aberto para a publicação de conteúdos - baseada em PHP e MySQL - passou a garantir as funcionalidades básicas do site, no que se refere à gestão de conteúdos. A flexibilidade na integração de temas e plug-ins ajudou o projeto a avançar mais um pouco e encaixar um conjunto de novas funcionalidades que até à data não eram suportadas, como envio de newsletters, realização de inquéritos online, entre outros.


"A opção pelo WordPress, veio ainda permitir que ao longo dos cerca de dois anos de vida do novo site, o mesmo evoluísse significativamente quer em termo de design quer de funcionalidades ou até da implementação de novos micro-sites, de uma forma extremamente ágil e rápida", explica a Log, que implementou o projeto.


A empresa portuguesa é uma entre muitas a privilegiar as soluções open source. "Todas as nossas soluções são baseadas em tecnologia open source o que nos permite apresentar propostas seguras, de elevada qualidade e a preços competitivos", defende José Ruivo, partner da empresa.


"É claro com toda a experiência adquirida conseguimos também colaborar com a comunidade open source e tentamos sempre que possível colaborar para que possamos dar na mesma medida que recebemos", acrescenta o mesmo responsável.


Dois anos após a implementação do projeto a nova plataforma conta com mais de 1500 artigos publicados. Subscritores da newsletter são já mais de 5 mil.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico



Nota de redação: Ao longo dos próximos dias pode acompanhar aqui no TeK mais casos de implementação de projectos open source em Portugal, uma iniciativa que assinala o vigésimo aniversário do Linux.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.