A plataforma Android da Google conta com 14 novos apoiantes, entre eles a Vodafone, a Sony Ericsson e a ARM, três pesos-pesados da área móvel.

Ao aderirem à Open Handset Alliance estas empresas comprometem-se a desenvolverem aplicações e serviços para telefones móveis usando o software Android. Comentando a sua adesão, a Sony Ericsson confirmou que pretende desenvolver um telemóvel com Android.

O grupo já reunia outros fabricantes de telemóveis, como a HTC, a Motorola, a LG e a Samsung. Com a entrada da Sony Ericsson, a Nokia é o único de relevo que ainda não aderiu à plataforma.

As fabricantes de computadores Asustek e Toshiba também integram a lista de novos apoiantes, assim como a AKM Semiconductor, Atheros Communications, Borqs, Ericsson, Garmin International, Huawei Technologies, Omron Software, Softbank Mobile Corporation e Teleca.

O número total de empresas comprometidas com a organização que apoia a plataforma móvel da Google é de 47 até ao momento.

Até à data o G1 é dos poucos telemóveis com Android no mercado, estando previstos para 2009 mais dois modelos de uma marca global, a Motorola. Desde a estreia em Outubro, o G1 vendeu até à data mais de 1 milhão de unidades.

Nota da redacção: A notícia foi alterada na parte em que referia o G1 da HTC como o único telemóvel comercializado com a plataforma da Google, uma incorrecção apontada por um dos nossos leitores.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.