O mercado norte-americano de plataformas móveis tem um novo líder. O lugar cabe à Google, com o seu Android, que terá destronado a RIM, fabricante dos Blackberry, nas contas da ComScore relativas a Fevereiro de 2011.



O sistema operativo da gigante da Internet terá crescido sete pontos percentuais face aos valores apurados em Novembro de 2010 e soma agora 33 por cento do mercado.



Remetida para a segunda posição, a RIM viu descer a sua quota de mercado de 33,5 para os 28,9 por cento, enquanto o iPhone, no terceiro lugar, marca presença em 25,02 por cento dos 69,5 milhões de smartphones existentes nos Estados Unidos.



Aparentemente, a "fatia" perdida pela RIM parece ter ido na sua quase totalidade para a Google, já que o iOS só cresceu 0,2 pontos percentuais.



Os números da ComScore também dizem que a Microsoft - em quarto lugar - perdeu mercado, apesar do lançamento do Windows Phone 7. As plataformas móveis da gigante da informática passaram dos nove por cento registados em Novembro, para os 7,7 por cento em Fevereiro.



Recorde-se que recentemente a IDC antecipava que a parceria recém-estabelecida entre a Nokia e a Microsoft irá contribuir para que o sistema operativo Windows Phone assuma a vice-liderança do mercado mundial de smartphones em 2015. A plataforma Android será líder.



Para este ano, a consultora atribui ao sistema operativo da Google uma quota de mercado de 39,5 por cento. O Symbian surge em segundo, com 20,9 por cento de participação e o iOS, da Apple, assume a terceira posição, com uma quota de 15,7 por cento.



O quarto lugar de 2011 é arrecadado pela plataforma BlackBerry (14,9%), da Research In Motion, e só depois surge o Windows Phone 7 (5,5%).



Samsung lidera nas marcas


No que diz respeito às fabricantes, muito pouco mudou no mercado norte-americano. A Samsung continua em primeiro, com 25 por cento de representatividade, a LG em segundo com 21 por cento e a Motorola em terceiro, com 16 por cento - numa queda de 0,9 pontos percentuais.



Em quarto e quinto estão duas fabricantes que só têm smartphones: a RIM, com 8,6 por cento (baixando 0,2 pontos percentuais) e a Apple, com 7,5 por cento, que registou o crescimento mais acentuado entre as cinco maiores (0,9 pontos percentuais).

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.