A linha de portáteis iBook da Apple foi mais uma vez renovada e apresenta agora, segundo a fabricante, processadores PowerPC G3 à velocidade relógio de 600 e 700 MHz, processadores gráficos mais poderosos e discos rígidos de maior capacidade.



Além disso, a fabricante defende que os seus novos iBook estão cerca de 35 por cento mais rápidos do que o modelos anteriores. Os recentes modelos integram mais capacidades de ligação a equipamentos externos, com uma saída de vídeo que suporta ligações VGA, assim como S-vídeo composto, recorrendo a um adaptador opcional.



O iBook que apresenta um processador PowerPC G3 de 600 MHz com 512K cache nível 2, ecrã TFT de matriz activa de 12 polegadas, SDRAM de 128MB, disco rígido de 20 GB e drive óptica de CD-ROM, tem um preço sugerido de 1.199 dólares (1.304 euros) para os Estados Unidos.



O iBook com um processador PowerPC G3 a 700 MHz com 512K cache nível 2, ecrã TFT de matriz activa de 12 polegadas, SDRAM de 128MB, disco rígido com 20GB e drive óptica DVD-ROM/CD-RW custa no mercado norte-americano 1.499 dólares (1.630 euros).



Com um preço aconselhado de 1.799 dólares (1.956 euros), o último dos novos iBook agora apresentados tem um processador PowerPC G3 a 700 MHz com 512K cache nível 2, ecrã TFT de matriz activa de 14,1 polegadas, SDRAM de 256MB, disco rígido de 30GB e drive óptica Combo DVD-ROM/CD-RW.



Todos os novos iBooks vêm com os sistemas operativos Mac OS X 10.1.4 e Classic Mac OS 9.2.2 pré-instalados, incluindo igualmente aplicações digitais da Apple, como a iTunes 2 para a organização e gravação de música, o iMovie 2, para a criação de filmes, e o iPhoto para a organização e partilha de fotografias.



Notícias Relacionadas:

2002-04-29 - Apple apresenta novo eMac para mercado educativo

2001-10-16 - Apple renova linha de portáteis iBook e Titanium PowerBook

2001-08-29 - PowerBook G4 Titanium mais baratos

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.