A Apple está em busca de programadores para criar a equipa que ficará responsável por desenvolver novas aplicações de media para o sistema operativo da Microsoft. A gigante norte-americana abriu várias posições de trabalho para se preparar para o desafio e deixou o mote a todos os potenciais candidatos: "junta-te a nós e ajuda-nos a construir uma nova geração de apps para Windows".

A Apple mantém uma lista de aplicações para Windows, como o iTunes e o iCloud, mas todas elas estão a ficar ultrapassadas, uma vez que foram desenvolvidas há já muito tempo. A urgência deste desafio torna-se ainda mais premente quando nos recordamos que a empresa decidiu dividir o iTunes em três diferentes apps - Podcasts, TV e Music - uma lógica que, eventualmente, terá também de ser declinada nos sistemas operativos onde a tecnológica marca presença.

A Apple menciona que "experiência em UWP" será considerada uma vantagem, o que significa que a empresa está interessada em criar versões baseadas na Universal Windows Platform. Esta decisão pode ajudar a empresa a levar as suas aplicações para outros dispositivos Microsoft, como é o caso da Xbox One ou da Project Scarlett, que chegará ao mercado em 2020. Note que, neste momento, não é possível consumir conteúdos através de aplicações Apple nas consolas da Microsoft.

Um outro domínio onde a Apple não apresenta soluções adequadas é no dos aparelhos sensíveis ao toque (excluindo iPads e iPhones, claro). Reformular o seu próprio leque de apps para o ecossistema da Microsoft será também positivo nesse sentido, dada a quantidade de equipamentos Surface que a marca tem lançado com estas características.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.