Os consumidores portugueses estão cada vez mais rendidos ao DVD, que no último ano foi o formato preferido de quem recorre aos clubes de vídeo para alugar filmes, em detrimento do tradicional VHS. Os resultados do Consumidor 2004 da Marktest indicam que no ano passado cerca de 725 mil indivíduos alugaram DVDs, o correspondente a 8,7 por cento do universo analisado no estudo. Relativamente ao aluguer de VHS, o formato foi preferido por 290 mil consumidores, cerca de 3,5 por cento do universo estudado.

As regiões de Lisboa e Porto são as que reúnem maior número de adeptos do DVD, com 13,1 por cento e 11,1 por cento, respectivamente. O estudo destaca ainda que 10,8 por cento dos clientes dos clubes de vídeo que optam por esta tecnologia são do sexo masculino, quando a percentagem de mulheres se fixa nos 6,8 por cento.

A Marktest concluiu também que o DVD conquistou sobretudo os grupos etários dos 18 aos 34 anos e que a taxa de reformados que visionam filmes em DVD não ultrapassa os dois pontos percentuais.

Em termos sociais, as classes alta e média alta são as que mais alugam filmes neste suporte (16,3 por cento) por oposição à classe baixa, onde apenas 3,1 por cento dos inquiridos admitem alugar DVDs.

Notícias Relacionadas:
2005-05-12 - Toshiba desenvolve DVD com maior capacidade de armazenamento

2005-04-22 - Blu-Ray e HD-DVD podem resultar em formato híbrido

2005-03-23 - Novos formatos DVD afastam concorrência e garantem preferência dos utilizadores

2004-10-09 - Um terço dos lares portugueses têm DVD

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.